De Mantega para Haddad | Fábio Campana

De Mantega para Haddad

BR18

Adivinhe com quem Fernando Haddad está buscando conselhos econômicos? É com ele, com ele mesmo, Guido Mantega, o ex-ministro da Fazenda de Dilma e Lula, que, com suas ideias intervencionistas para a economia, deu uma contribuição significativa para levar o País à atual crise fiscal e à maior recessão da história, da qual sentimos os efeitos até hoje.

Segundo a revista digital Crusoé, os dois são amigos há muito tempo e chegaram a trabalhar juntos nos governos petistas. Mas isso não significa que Haddad tenha a intenção de convidar Mantega para a Fazenda, caso vença as eleições, se é que tal perspectiva pode servir de consolo.


4 comentários

  1. liberdade total
    domingo, 23 de setembro de 2018 – 12:48 hs

    22 de setembro de 2018
    matéria do ESTADÃO texto interessante surpreendente – tem que postar FÁBIO CAMPANA

    NA CAPITAL PARANAENSE ÁLVARO DIAS PARTICIPOU DE UMA CAMINHADA ONTEM DIA 22 SETEMBRO DE 2018

    Apesar de seu partido, o Podemos, estar coligado à candidatura de Ratinho Junior (PSD) ao governo do Paraná, na visita ao Estado, Alvaro Dias afirmou que se manterá neutro na disputa estadual. “Aqui no Paraná meu voto ao governo é secreto”, declarou. Apesar da aliança formal com a sigla de Ratinho, o presidenciável conta com o apoio de vários políticos paranaenses que estão ao lado de outras campanhas, como da governadora Cida Borghetti (PP).

  2. eleitor desmemoriado
    domingo, 23 de setembro de 2018 – 17:30 hs

    O ex-ministro ficou conhecido pela sua “Nova Matriz Econômica”, esta que enriqueceu gente como o ex-dono do grupo ONX, JBS e alguns outros. Também ficou célebre pelos famosos “pibinhos” do Mantega, proporcionais à suas ideias criativas a respeito de Economia.

  3. LUIZ DO LITORAL
    segunda-feira, 24 de setembro de 2018 – 7:42 hs

    Muitos brasileiros perderam o pouco de vergonha na cara no momento em que se tronaram pau mandados do maior mentiroso bandido, ladrão e do Brasil

    Lula arrebentou os pobres!

    (O Ex-presidente, e agora réu criminal por corrupção, rindo do que?)

    A mentira: O PT retirou 40 milhões de brasileiros da pobreza. A verdade: Cerca de 85% dos considerados pobres estão endividados. Destes, mais da metade estão inadimplentes.

    O PT, especialmente seu líder macabro, aquele que se diz o homem mais honesto do Brasil arruinou a vida dos mais necessitados. Ao assumir a presidência o “pai dos pobres” surfou na onda de uma casa arrumada por seu antecessor — e por um extraordinário momento macroeconômico mundial — e ao invés de implementar as reformas que o país precisava investiu no populismo fácil.

    Já em seu segundo mandato, o país foi colhido pelo tsunami da crise dos sub-primes americanos. Responsável e honesto como só um populista barato poderia, ao contrário do que deveria fazer, ou seja, anunciar medidas de contenção e prudência à população, logo partiu para sua especialidade: mentir e bravatear! Chamou a mega crise de marolinha e recomendou ao povo que comprasse. E mais: Aumentou a facilidade de crédito, reduziu os juros, baixou os impostos de bens duráveis, como automóveis e eletrodomésticos, e incentivou o endividamento extremo, sobretudo dos mais carentes, que ávidos por bens de consumo que nunca possuíram correram para o crediário com juros acachapantes. De pessoas pobres sem nada, passaram a pessoas pobres endividadas; e hoje em dia novamente sem nada, pois ou perderam os objetos que compraram por conta da inadimplência ou pela própria depreciação dos mesmos. O período do aumento da renda (do trabalhador) deveria ter sido aproveitado para poupar ou investir em educação, por exemplo. Mas isto deveria ter sido estimulado pelo governo, que, ao contrário, só estimulou consumo e endividamento.

    O Brasil é um país pobre e um dos que possuem menores taxas de poupança interna. A lógica diria para “poupar, poupar e poupar”. Mas desde quando essa gente petista pensa em lógica? Desde quando lhes interessa a verdade e o bom senso? Repetiram, à exaustão, as glórias de um país que JAMAIS existiu, e convenceram a maioria desinformada dos brasileiros a viverem como ricos. Deu no que deu: Com carro, mas sem dinheiro para o IPVA e gasolina. Com Iphone novinho, mas sem crédito para ligações. Com geladeira, TV e micro-ondas, mas com a energia cortada por falta de pagamento. Estou mentindo?

    Por outro lado, na mesma intensidade em que destruiu os pobres, fez a maior alegria jamais vista pelos bilionários da pátria: Banqueiros, empreiteiros, industriais, varejistas e outros potentados da economia assistiram aos próprios patrimônios atingirem alturas imorais diante o caos econômico produzido pelo governo. Nunca antes neste país, como sempre repetia o falsário, houve tamanha transferência de renda dos mais pobres para os mais ricos.

    Finalizo com uma mensagem aos militontos que certamente virão aqui, com aquele lero-lero petista “vocês não gostam que pobre tenha carro, celular, viaje de avião, e blá blá blá”: Deixem de ser bobões e vão se informar! Mais de 65 milhões de pessoas estão com seus nomes negativados por inadimplência. Então, parem de repetir as besteiras que lhes zurram aos ouvidos e comecem a pensar por si mesmos. Confiem em mim: Será melhor para vocês! E acreditem: Se tornarão melhores!

  4. Roberto
    segunda-feira, 24 de setembro de 2018 – 8:00 hs

    Que beleza! Ótimo, que continue procurando os ineptos e inúteis históricos! hahahahaha, Assim afunda sozinho, sem ajuda nenhuma! KKKKKKKK. Sentou na areia movediça petista. Maravilha!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*