Cida reforça ações de combate à violência contra a mulher | Fábio Campana

Cida reforça ações de combate à violência contra a mulher

A governadora e candidata Cida Borghetti garantiu nesta sexta-feira (21) que reforçará as ações de combate à violência contra a mulher e ampliará as políticas públicas de proteção e inclusão. Cida, reuniu cerca de 200 mulheres, nesta manhã em Curitiba.

“Quando uma mulher é agredida, todas nós somos. A violência contra a mulher destrói as famílias, impacta no futuro de quem fica e abala a esperança de um Paraná justo. Vamos tratar o assunto com mais rigor, ampliar as ações de combate e equipar as Patrulha Maria da Penha para que garantam a segurança das mulheres paranaenses” afirmou a governadora.

Cida propõe aumentar o acesso ao Botão do Pânico às mulheres que já estão com medidas protetivas, destinar viaturas à Patrulha Maria da Penha em todas as regiões do Estado, capacitar os profissionais para atendimento adequado às mulheres, instituir campanha permanente a não violência e buscar mais parcerias com o Governo Federal, através da Secretaria Nacional de Políticas para Mulheres para implantar políticas públicas protetivas e de inclusão.

“Queremos criar o instinto de união entre as mulheres e convocar os homens para fazer parte dessa campanha de proteção. Eles também precisam nos ajudar a desconstruir a prática do machismo no Paraná”, disse a candidata.

Cida também vai levar o projeto de prevenção e enfrentamento da violência contra a mulher criado pela ex lutadora de MMA, Campeã mundial de jiu-jitsu e Especialista em Segurança Feminina Erica Paes, “Eu sei me defender” a todas as regiões do Estado. Erica compartilha, em palestras, técnicas para a defesa pessoal voltada exclusivamente para as mulheres. Ela é uma das primeiras mulheres a lutar profissionalmente no Brasil e no mundo e hoje está engajada no combate à violência.

“A trajetória e atuação da Cida incentiva mais mulheres a entrarem na política. A disposição dela em trazer a discussão da não violência para o Estado e projetos de prevenção e enfrentamento vai fazer diferença no futuro de muitas mulheres”, afirmou Érica.


3 comentários

  1. liberdade total
    sábado, 22 de setembro de 2018 – 14:57 hs

    “Os R$ 17 milhões do PP que ajudam a explicar o poder de articulação de Barros”
    Leia mais em: https://www.gazetadopovo.com.br/blogs/joao-frey/2018/09/20/os-r-17-milhoes-do-pp-que-ajudam-a-explicar-o-poder-de-articulacao-de-barros/
    Copyright © 2018, Gazeta do Povo. Todos os direitos reservados.

    “Nenhum partido, candidato ou doador colocou tanto dinheiro nas eleições do Paraná como o Partido Progressista, da governadora Cida Borghetti e de seu marido, o deputado estadual Ricardo Barros. Ao todo, entre recursos dos fundos Partidário e Eleitoral, o PP já injetou R$ 17,6 milhões nas campanhas do estado. Quem levou a maior parte dos recursos foi Cida Borghetti, que recebeu R$ 6,9 milhões da legenda, 53% a mais que os R$ 4,5 milhões previstos inicialmente pelo partido. O tesoureiro nacional do PP é Ricardo Barros.”

    COMENTÁRIO PESSOAL
    “Tantos milhões lançados na ,,,,,,,e muitos brasileiros sem ter o que comer ou como sobreviver. Triste vermos tantas desigualdades.”

  2. eleitor desmemoriado
    sábado, 22 de setembro de 2018 – 17:22 hs

    Não seria melhor se a governadora pensasse em por um delegado em cada cidade sem um, não seria bem mais efetivo do que este monte de promessas? Odeio projetos mirabolantes, promessas quase impossíveis de serem realizadas e parcerias para lá de demagógicas. Digo isto porque fui servidor público, a demagogia sempre foi o motor de todos os governos aos quais servi.

  3. Reinaldo do batel
    sábado, 22 de setembro de 2018 – 23:59 hs

    Cida e João arruda coloquem seus juridicos pra verem que estão tirando a mando dos ratos as propagandas da tv de voces nas emissoras evangelicas seja aberta ou da net que são canais diferentes. fiquem de olho que os ratos agem sorrateiramente….

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*