Meirelles emotivo | Fábio Campana

Meirelles emotivo

Na convenção do MDB para tratar da candidatura de Henrique Meirelles o presidenciável apela para emoção. Falou das lembranças da infância em escola pública e o caminho cheio de vitórias na iniciativa privada. E como uma espécie de cereja do bolo, usou a palavra ‘coragem’ e afirmou que não existe ‘impossível’ em sua trajetória.
Como indicam as pesquisas, o mercado, o cenário, a vitória de Meirelles na nova empreitada é bem improvável, para não usar a palavra inexistente no dicionário do ex-ministro.

(Foto: Evaristo Sa/AFP/Getty)


Um comentário

  1. Doutor Prolegômeno
    quinta-feira, 2 de agosto de 2018 – 14:15 hs

    Seja lá quem for o infeliz desgraçado que se elegerá em outubro, o certo é que ninguém governará sem combinar tudo com os russos do Congresso, o qual com muita certeza continuará praticamente igual ao de hoje. Assim, tem muito papo furado, muita balela e conversa fiada sendo dita por aí, que não tem a menor chance de acontecer. Há uma grande chance de uma crise institucional sem precedentes, com atritos entre o legislativo e o executivo, que poderá incendiar-se com o ativismo de outro poder e dos anexos que se julgam poderes. Vai dar valsa.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*