CEO na área do meio ambiente | Fábio Campana

CEO na área do meio ambiente

O executivo Glauco Requião, responsável pela diretoria de Meio Ambiente da Sanepar, deixa o cargo na próxima semana para um novo desafio. Ele será o CEO da CS BIOENERGIA S.A., uma prestadora de serviços e geradora de energia a partir da biodigestão do lodo, resíduo resultante do tratamento de esgotos sanitários, composto essencialmente por matéria orgânica.

O convite surgiu após a empresa acompanhar o bom trabalho que o executivo vem fazendo a frente da companhia de Saneamento, levantando questões ambientais e sustentáveis. Intitulado de “executivo verde”, um dos destaques foi quando Requião colocou que as empresas como a Sanepar deveriam se recolocar no mercado como empresas ambientais com vocação para o saneamento. Ou seja, ter a sustentabilidade como um dos principais pilares do negócio. Frente à CSBio, Glauco terá diversos desafios. Dentre eles operar a maior e melhor usina de tratamento do Brasil. A posse acontece no dia 25 de junho.


9 comentários

  1. Professor Demétrios
    sexta-feira, 22 de junho de 2018 – 16:39 hs

    Esse ai é parente do outro Requião?

  2. Roberto
    sexta-feira, 22 de junho de 2018 – 18:41 hs

    PARABÉNS PELO TRABALHO DESENVOLVIDO GENTE A SANEPAR E MUITO SUCESSO NESTA NOVA EMPREITADA QUE TENHO CERTEZA IRÁ SER UM ÓTIMO CEO.

  3. Nilson pereira
    sexta-feira, 22 de junho de 2018 – 20:03 hs

    Parabéns Glauco sussesso nesta nova etapa da sua vida.

  4. Observador
    sexta-feira, 22 de junho de 2018 – 23:42 hs

    Mas a Sanepar não é sócia da CS Bioenergia? Se for, nada tem de tão espantoso na indicação do CEO um diretor da Sanepar.

  5. Rafael Êrico Kalluf Pussoli
    sábado, 23 de junho de 2018 – 0:22 hs

    Profissional qualificado, dedicado e competente!Sucesso continuado Glauco !

  6. johan
    sábado, 23 de junho de 2018 – 12:13 hs

    Caro FÁBIO, com essa posição do Requião, e agora fora da empresa SANEPAR, ele possa como ” executivo verde” realmente defender a posição da nova empresa, em ter a sustentabilidade como um dos principais pilares do negócio. Dessa maneira, poderia sugerir ao CERH, em revogar a ultima posição de reenquadramento dos rios das bacias hidrográficas do Paraná, retornando a posição original de manutenção de CLASSE II. O CERH definiu na sessão de Agosto/17, o enquadramento CLASSE IV, que nada mais é que esgoto correndo a céu aberto nas calhas dos rios do estado, justamente para livrar a Sanepar das autuações de poluição hídrica da rede de drenagem do estado. Atenciosamente..

  7. Fernando
    sábado, 23 de junho de 2018 – 15:26 hs

    Sucesso Glauco, profissional competente e carismático. Sabe ouvir as pessoas.

  8. Balela
    domingo, 24 de junho de 2018 – 0:48 hs

    Balela … caiu de paraquedas na área de meio ambiente da sanepar, desempenhou um trabalho sofrível, entende de meio ambiente o quanto a Gretchen entende de astronomia. Foi indicado certamente por que grupos privados precisam de uma marionete para engordar seu lucro

  9. Lúcio Artioli
    domingo, 24 de junho de 2018 – 22:10 hs

    Glauco, esteve na Sanepar nos últimos anos e fez o que todos diretores, assessores, asssistentes e comissionados fizeram; roubaram a Sanepar.
    Com suas indicações de interesse político, saqueiam a empresa dando muito prejuízo nos benefícios a explemplo do plano de saúde, abono enfim, tudo o que deveria ser para o reconhecimento do Saneparianos estes cães se fazem valer.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*