Ressaca cívica | Fábio Campana

Ressaca cívica

Petistas deprimidos, tucanos amedrontados, peemedebistas em seu imbróglio natural e gente a correr por fora tentando figurar como não-político. O povo, bem, o povo não quer saber de política. Muito menos dos políticos. É o que dizem as pesquisas de opinião. A absoluta maioria dos nativos ainda não se tocou de que estamos em pleno ano eleitoral.

Depois das pesquisas, essa gente não sabe em quem apostar nem explicar certos fenômenos. Lula, preso, mantém índices impressionantes e, hoje, ganharia de qualquer adversário. .

Quanto à disputa do poder no Paraná, tudo continua na mesma. Osmar Dias, do PDT, começa a mostrar os dentes e ataca os que estavam no governo, que são seus dois adversários, Ratinho Jr e Cida Borgheti, a governadora que vai tentar a reeleição. Dr Rosinha é candidato do PT, mas seu público se resume aos remanescentes da militância petista. Mais não há. Requião é candidato ao Senado e tripudia sobre os desconfortos judiciais de Beto Richa, seu único adversário viável. O povo olha, escuta e não acha graça. Só tem dúvidas, muitas dúvidas.

O cidadão vive a ressaca cívica da temporada de escândalos. Política passou a ser sinônimo de Lava Jato, propina, dinheiro na cueca, desvios, corrupção. O brasileiro normal, comum, está enfarado de tudo isso. Prefere tratar de outros assuntos, menos desagradáveis para os sentidos.

Nas rodas de conversas prevalece o futebol, este sim, a preferência nacional. Mesmo diante do pífio espetáculo oferecido pelos campeonatos nacionais. Acende-se a expectativa da Copa do Mundo e há entusiasmo pela seleção. Assim caminha a humanidade, não é mesmo? Os candidatos circulam e o povo não está nem aí para eles.


2 comentários

  1. Zé Ninguém
    quarta-feira, 16 de maio de 2018 – 11:44 hs

    Por questão de inteligencia , por mais que esteja suja , a politica e sua pratica se fazem necessária , só um cara idiota acha que não falando e expondo o problema politico ele por si só se resolvera , estamos em ano eleitoral e temos a oportunidade de corrigir erros que veem a muito tempo sendo cometidos pelos políticos e por seus eleitores , os políticos serão eleitos com meu voto de qualidade ou com o voto do idiota eleitoral que insiste em fechar os olhos e ouvidos , passando sua responsabilidade para uma ação divina , Politica não e coisa de Deus , nos eleitores e políticos e que temos de resolver . Austeridade , clareza de atitudes e conhecimento de trabalho , sim eu disse conhecimento ( PROFISSIONALISMO ) , para que tenhamos bons políticos temos de ter bons profissionais , não existe trabalho com qualidade se não for feito por profissionais. Ou se mete o pé na bunda de quem não sabe fazer ou quem esta de sacanagem ou vamos continuar a ter eleitores cretinos e políticos safados e ladrões.
    Simples assim , mas a nossa classe politica esta repleta de políticos acovardados e com medo do eleitor que como filho mimado continua a escolher um modelo de pai frouxo e acovardado .
    Me diga o eleitor que você tem e eu te digo o politico que o representa .
    E a opinião .

  2. RONCO BRONCO
    quarta-feira, 16 de maio de 2018 – 16:46 hs

    ….Vejo da seguinte forma, temos que analisar cada um desses que estão ai a concorrer um cargo público “Cá entre nós, o mal político, aquele que não devemos elege-los é de fácil visibilidade, ele mata mãe, e mata pai para ser eleito”, de forma nenhuma, devemos eleger esse tipo, se mata mãe e mata pai imagine o eleitor para se elegerem…. Imaginemos que somos uma empresa, que teremos que compor nosso quadro de funcionários….os candidatos a uma vaga, vão ser um desses ai, vão ter de apresentar seus conhecimentos, valores, dedicação, honestidade, comprometimento…enfim….cabe a nos, eleitores, contrata-los ou não….Então pesquisem, analisem o passado de cada um, de onde vieram o que fizeram…mas fazem uma profunda investigação para ver se é ou não merecedor de seu voto, dedicam um tempinho conversam com outras pessoas, sem deixar ser influenciados, leiam fontes confiáveis, mas não joguem seu precioso voto na lato do lixo. Olhos de Águia prezado eleitor, afinal eleitor, você irá dar um passaporte de 4 anos para um candidato desses te representar, você vai estar legitimando, 4 anos… são 4 anos…que você e tua família precisa ser bem assistido na saúde, na educação, na saúde, nas oportunidades… 4 preciosos anos, que passaram. Fica aí a dica para reflexão.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*