Divisão de papeis | Fábio Campana

Divisão de papeis

Lauro Jardim, O Globo

Pelos planos do PMDB (e do Planalto), se Henrique Meirelles for mesmo vice de Geraldo Alckmin, a ideia é que na campanha o ex-ministro defenda o legado econômico do governo Temer — e deixe para o próprio Michel Temer defender sua honra. Essa divisão de papeis pode fazer sentido na teoria. Mas é difícil que no meio de uma campanha nervosa se possam separar as coisas.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*