Dedo duro | Fábio Campana

Dedo duro

O Planalto aposta que os governadores ficarão constrangidos em não abrir mão de receita do ICMS para ajudar na redução do preço dos combustíveis. E dá uma forcinha nisso. Pediu aos seus aliados para distribuírem discretamente tabelas mostrando o quanto cada Estado cobra. As informações são da Coluna do Estadão.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*