Apoio em troca de cargo | Fábio Campana

Apoio em troca de cargo

E que tal Michel Temer? Está a negociar apoio à candidatura de Geraldo Alkimin em troca de um carguinho, como uma embaixada em lugar distante por exemplo, que lhe garanta foro. Assim, ele não correria riscos a partir de janeiro do ano que vem de ser alvo de medidas cautelares determinadas por juízes de primeira instância. E se Alckmin não ganhar? O PSDB de São Paulo está disposto a incorpora-lo na estrutura do estado.
Temer segue a bater na tecla de que não tem nada a temer, com o perdão do trocadilho, e que pedido de busca e apreensão e até de prisão seriam uma “indignidade”.

Indignidade, segundo o Dicionário Online de Português: substantivo feminino / Ação indigna, vil.
Baixeza, vileza: cometer uma indignidade.
Injúria, afronta.

(Foto: Adriano Machado/Reuters)


3 comentários

  1. Jose Paduan
    quinta-feira, 17 de maio de 2018 – 21:33 hs

    Que vergonha! Fake news na maior cara de pau. Se publicar uma fake news implicasse numa caganeira do emitente receberíamos logo o título de a nação dos cagões.

  2. FUI !!!
    sexta-feira, 18 de maio de 2018 – 5:34 hs

    Seria uma ótima ideia que indicasse o Temer para um cargo diplo-
    mático de Singapura. Pode até ter foro privilegiado, porem não vol-
    taria jamais…

  3. Parreiras Rodrigues
    sexta-feira, 18 de maio de 2018 – 7:43 hs

    Algum assessor, poderia sugerir ao presidente Michel, parar com aquele movimento de mãos. A gesticulação dele parece até de malaco de rodoviária.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*