Acusados de tentativa de homicídio em frente ao Instituto Lula se entregam | Fábio Campana

Acusados de tentativa de homicídio em frente ao Instituto Lula se entregam

O ex-vereador de Diadema, Manoel Eduardo Marinho, o ‘Maninho do PT’, e seu filho Leandro Eduardo Marinho, se entregaram ao Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoas agora a pouco. Eles estavam foragidos desde sexta-feira, 11, quando tiveram prisão preventiva decretada.
‘Maninho do PT’ e Leandro são acusados de tentativa de homicídio do empresário Carlos Alberto Bettoni, na noite de 5 de abril, em frente ao Instituto Lula.

(Foto: Sebastião Moreira/EFE)


5 comentários

  1. roberto novaes
    quarta-feira, 16 de maio de 2018 – 14:25 hs

    O cara que deu os tiros no ônibus aqui no PR também vai se entregar?

  2. Celso
    quarta-feira, 16 de maio de 2018 – 14:31 hs

    Roberto, foi expedido algum mandado de prisão?

  3. quarta-feira, 16 de maio de 2018 – 15:43 hs

    Quem atirou no ônibus não pode se entregar porque foi o proprio MST, ônibus parado, tiro à queima roupa e ninguém do PT viu quem foi?

  4. quarta-feira, 16 de maio de 2018 – 16:25 hs

    VIRA LATAS XUPETAS!!!KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!!!

  5. quarta-feira, 16 de maio de 2018 – 21:03 hs

    Concordo com Mario da Zelarino

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*