PT e Planalto unidos por uma ideia | Fábio Campana

PT e Planalto unidos por uma ideia

Começou há algumas semanas, antes de Lula ser preso, uma aproximação entre o PT e o Palácio do Planalto. As conversas têm o objetivo comum dos dois lados: tentar barrar a prisão após condenação em segunda instância no STF.
O que começou de forma leve, foi se intensificado depois da prisão de Lula.
Agora, golpistas e golpeados, tanto o faz o lado e quem é quem, dão as mãos pela causa. Temer até chegou a tratar disso publicamente quando seus amigos e ex-assessores José Yunes e coronel João Baptista Lima Filho foram presos ele publicou: “No Brasil do século XXI, alguns querem impedir candidatura. Busca-se impedir ao povo a livre escolha. Reinterpreta-se a Constituição, as leis e os decretos ao sabor do momento. Vê-se crimes em atos de absoluto respeito às leis e total obediência aos princípios democráticos”.
Uma semana antes da prisão, Lula também acariciou Temer: “Sejamos francos: o que tentaram fazer com Temer… A sordidez da mentira inventada, a troco de conseguir mais um mandato para (Rodrigo) Janot e de levar o atual presidente da Câmara a ser presidente da República foi uma coisa sórdida. E ali sou obrigado a reconhecer historicamente que o Temer soube se impor”.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*