Juízes apoiam a Lava jato | Fábio Campana

Juízes apoiam a Lava jato

Mais de dois mil juízes do Brasil formam o grupo Palavra de Juiz, que discute assuntos ligados ao Judiciário em redes sociais.
A iniciativa mais recente do grupo é uma demonstração de como anda a guerra no judiciário brasileiro. O Palavra de Juiz publicou uma moção de apoio a juízes que trabalham em crimes do colarinho branco, com destaque para as ações da Lava Jato e aos juízes Carolina Moura Lebbos, Marcelo Bretas e Sergio Moro.
No texto, declaram o “profundo repúdio à série de acontecimentos envolvendo pressões indevidas sobre as atividades de membros do Poder Judiciário, atitudes que não disfarçam a incitação à desobediência civil”. E explicam que “Essa manifestação [a moção] não decorre de voluntarismo ou arroubo de mágoa partidária, mas de obediência ao que ordena o artigo 6º do Código de Ética da Magistratura, ao dispor que ‘é dever do magistrado denunciar qualquer interferência que vise a limitar sua independência'”.


2 comentários

  1. MANOEL GONCALVES DA SILVAFILHO
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 12:48 hs

    O grupo “Palavra de Juiz”, até eu que não sou advogado nem nada já fiz parte e sair por perceber que era mais uma usina de faks. O jornalista que fez essa matéria tem certeza que são todos verdadeiramente magistrados, ou é apenas mais uma convicção? O MBL e o Vem pra rua dentre outro movimento de direita, tem centenas desses grupos em redes sociais.

  2. Edson
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 12:50 hs

    Até que enfim! Tomara que mais vozes se levantem para defender os homens honestos que lutam contra a corrupção e o banditismo infiltrado no Estado! Porém, até agora, as outras instituições permanecem caladas, de braços cruzados ou mesmo “caolhas” – só enxergando o que lhes interessa e a seus clientes.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*