Gilmar x Bretas | Fábio Campana

Gilmar x Bretas

O ministro Gilmar Mendes separa artilharia para atacar o juiz federal Marcelo Bretas. Vai encaminhar ofício ao Conselho Nacional de Justiça para saber por que a AGU não recorreu da decisão que autorizou o acúmulo do pagamento de auxílio-moradia ao juiz federal Marcelo Bretas e sua mulher, também magistrada.
Gilmar acha que o auxílio-moradia duplicado poderá depor “contra toda a Justiça”.
Há quem pense que apenas o auxílio-moradia já depõe contra a Justiça. E aos parlamentares de Brasília também.


4 comentários

  1. Luiz Eduardo
    quarta-feira, 11 de abril de 2018 – 10:51 hs

    Foi o próprio ministro FUX que deliberou assim. Tá por fora Beiço caido. O que você faz tanto em Portugal? Alguma coisa camuflada deve ter. Gilmar Mendes, o advogado de bandidos no STF.

  2. Doutor Prolegômeno
    quarta-feira, 11 de abril de 2018 – 10:58 hs

    Engraçado. Os ministros pops e cools do STF, como Fux, não sofrem crítica por dar dois saltos mortais e uma pirueta e enviar a ação do auxílio-mansão em bairros chiques para uma “comissão de arbitragem”, onde só os interessados no assunto estão representados. E a charanga vai tocando…

  3. QUESTIONADOR
    quarta-feira, 11 de abril de 2018 – 11:32 hs

    -O Ministro do Partido, digo, do STF, Gilmar Mendes está de revanchismo contra o Juiz Federal Marcelo Bretas, por este ter expedido ordem de prisão contra os amiguinhos e compadres de Gilmar Mendes. É aquela turminha das empresas de ônibus do Rio de Janeiro…Jacob Barata Filho…

  4. Edson
    quarta-feira, 11 de abril de 2018 – 15:15 hs

    O Gilmar Mendes está no Supremo só por que foi colocado lá! É só recuar no tempo e verificar! Já o Juiz Bretas, sua esposa, Moro e outros competentes juízes fizeram concurso e passaram por mérito e “notável saber jurídico”! Agora a pergunta: por quê será que o GM foi colocado lá?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*