Escracho geral | Fábio Campana

Escracho geral

As provas da JBS

ÉPOCA teve acesso aos documentos que expõem a compra sistemática de centenas de políticos brasileiros. Não há quem escape da devassa. Tucanos, petista, peemedebistas e assemelhados estão na longa lista da corrupção. Clique no link e leia a matéria completa.


5 comentários

  1. sábado, 21 de abril de 2018 – 19:33 hs

    Tudo foi roubado pelas autoridades constituídas,PT,veio para roubar,roubar e roubar e deixou todos mas todos os politicos roubarem e sugaram o sangue deste pobre povo do Brasil,pena de morte para eles e si fini!!!

  2. domingo, 22 de abril de 2018 – 8:36 hs

    ISSO SÓ PROVA QUE, O PODER POLITICO NO BRASIL, SEMPRE FOI, E SEMPRE SERÁ FORMADO POR UMA ELITE PROSTITUTA QUE TEM MEDO DE DEIXAR O PODER!!!
    ÁS LEÍS JÁ SÃO PENSADAS NO SENTIDO DE FICAR TUDO COMO ESTÁ.
    O GRANDE MAU DO PT FOI QUERER ROUBAR MAIS, USANDO PÉS DE CHINELOS COMO ESCUDO DE FUNDO NÉ???

  3. Simões
    domingo, 22 de abril de 2018 – 10:31 hs

    Chega a dar nojo ler tudo isso. E pensar que todo este dinheiro é do povo brasileiro com seus impostos.

    Como votar em alguém que já está la dentro, é impossível separar o joio do trigo. Por isso vejo com bons olhos a candidatura de Jair Bolsonaro, pelo menos honesto ele é e pode trazer com isto uma leva boa de deputados comprometidos com o povo, sem se imiscuir em negócios escusos como se vê hoje.

    Ou seja, só tem ladrão nas cabeças do Congresso Nacional.

  4. Flávius
    domingo, 22 de abril de 2018 – 18:58 hs

    Na verdade vivemos em um país em que o Congresso Nacional, o Planalto Central, as Assembleias Legislativas, os Palácios de Governo, as Prefeituras e as Câmaras Municipais estão tomadas por 95% de malfeitores e o pior, depois de outubro de 2018 suas cadeiras vão continuar a ser ocupadas por esses. Alguma dúvida???

  5. Flávio
    segunda-feira, 23 de abril de 2018 – 7:57 hs

    E nem se fala mais do mensalão , quanto será aumentaria este valor ???

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*