Em seis meses, o Senado tem três novos réus | Fábio Campana

Em seis meses, o Senado tem três novos réus

O nível do Senado: em seis meses viraram réus Aécio Neves (PSDB-MG), Romero Jucá (PMDB-RR) e José Agripino (DEM-RN). Renan Calheiros (PMDB-AL) conseguiu se livrar porque suas denúncias se baseavam apenas em delações.
Abrindo um pouco mais o espaço de tempo, encontramos na mesma categoria de réu: Gleisi Hoffmann (PT-PR), Valdir Raupp (PMDB-RO), Fernando Collor (PTC-AL).
Com tanta variedade de partidos não dá para dizer que é perseguição política ao PT, dá?

(Foto: Dida Sampaio/Estadão)


5 comentários

  1. Aristides tabo
    quarta-feira, 18 de abril de 2018 – 14:28 hs

    O Aecio veio a público, com cara de inocente, culpando os delatores a quem ele tinha pedido dinheiro “emprestado..hahahahahah”

  2. Daniel, o ateu atento
    quarta-feira, 18 de abril de 2018 – 15:26 hs

    Meu momento Requeijão:
    É que não é um partido que está por trás da ‘conspiração’! É a CIA! É o imperialismo estadunidense, que quer roubar nossos recursos de todos os tipos!

  3. Daniel, o ateu atento
    quarta-feira, 18 de abril de 2018 – 15:39 hs

    kkkkkkkkkkkkkkk
    O Aécio veio dizer que era tudo uma transação honesta! Não seria melhor fazê-la com cheques ou transferência bancária, então?
    E ele mesmo, na conversa, falou na hipótese de alguém delatar…
    Se fosse uma transação honesta, ele teria falado isto?
    kkkkkkkkkkkkkkkkk

  4. Daniel, o ateu atento
    quarta-feira, 18 de abril de 2018 – 16:06 hs

    E o grande problema, a grande hipocrisia é esta: muitos destes que clamam contra a corrupção, caso fossem à padaria, por exemplo, pagassem com uma nota de dez e recebessem troco para cinquenta reais, não reclamariam.
    Achariam que se ‘deram bem’.
    Mas o problema são só os corruptos famosos e notórios….
    Pronto, falei.

  5. quarta-feira, 18 de abril de 2018 – 19:00 hs

    Se gritar pega ladrao nao sobra UM,Irmao!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*