Deputado defende atirador | Fábio Campana

Deputado defende atirador

Já que os tempos são de barbárie, está instalado o vale-tudo nos discursos políticos atrás da audiência dos polos que dividem o país.
Ricardo Arruda, deputado estadual pelo PSL, resolveu defender o homem que atirou contra o acampamento pró-Lula. Gravou vídeo a dizer que “na verdade, esse cidadão que teve um ataque de loucura, teve o carro destruído. Tentaram matá-lo, agredí-lo. Não queremos ver ninguém matando ninguém. Porém o cidadão de bem não aguenta mais essa cambada de vagabundos que se alojou neste local. É culpa da senadora Gleisi que trouxe essa cambada para cá. Temos que dar um basta a esse movimento político ridículo”.

(Foto: Alep/Divulgação)


14 comentários

  1. Bambino
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 11:09 hs

    Sr. Fábio Campana,
    o senhor sabe que outros pensam e estão agindo como ele. Só porque estão fazendo um cursinho com o Olavo de Carvalho já estão se sentindo o Mussolini.
    Põe a mão na consciência… o senhor que tem cabelos e barba branca não fica atiçando esse comportamento, por favor!!

  2. clarice franze
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 11:12 hs

    FAÇO MINHAS AS TUAS PALAVRAS , DEPUTADO. ESTA NA HORA DE POR ESTA CAMBADA PARA CORRER E COLOCAR A NOSSA CAPITAL EM TRANQUILIDADE.

  3. segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 11:16 hs

    ESSE É OUTRO TIPO DE POLITICO QUE SÓ SE ELEGE COM VOTOS PROSTITUTOS!!!

  4. Bambino
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 11:24 hs

    Rápida na réplica a Clarice…

  5. Luiz Flávio
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 11:27 hs

    Clarice, infelizmente estão a merce das “OTORIDADES”, a única solução é botar pra correr as múmias Gleisi, Lindberg e toda essa corja de vagabundos que recebem diárias de
    R$ 30,00 (trinta reais) mais lanche de “mortanderla” com tubaina, para infernizar a vida dos moradores honestos e trabalhadores. Onde está esse prefeitinho que não faz nada? E as outras “OTORIDADES” da cidade, o quê estão fazendo?

  6. Bambino
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 11:42 hs

    Certamente muitos dos mortadelas não são originariamente vagabundos, mas duvido que não sejam pessoas que no passado tiveram seus antepassados expulsos de terras em algum lugar do território paranaense ou nacional por antepassados de muitos que hoje estão no poder pagando de bom moço. Estuda história e ciências afins.
    Bando de excluídos e explorados!
    Ficar chocado quando saem relatórios nacionais e internacionais informando o Brasil no topo da EXCLUSÃO SOCIAL é politicamente correto!!!! Faz chororô junto com outros… esse pessoal do acampamento são os excluídos de ontem e de hoje.
    Agora se vão ser chamados simplesmente de VAGABUNDOS talvez seja simplificar a questão.

  7. Nanda
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 11:54 hs

    E ainda se diz Pastor…aff
    Incita a violência, ao invés de trabalhar para o povo paranaense por mais segurança, educação e emprego.
    As urnas , eleições estão aí.
    Vamos colocar deputados novos que são preocupados com seres vivos. Que ajudem melhorar o emprego para pais e mães de família. Que tenhamos segurança e que punem os atiradores.( Poderia ser um filho seu né,,,ae com certeza o discurso seria outro)

  8. Luci Menin
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 12:04 hs

    Dizer que um dia sai de minha casa para ir ouvir esse indivíduo que se diz pastor. Que arrependimento!

  9. Moisés Fróes
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 13:05 hs

    Até que enfim alguém sem medo desses vagabundos e bandidos e também da amante Gleisi.Pau Nelles.

  10. Side
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 13:06 hs

    Só pq é pastor agora tem q ser frouxo. Tá certo tem q botar ordem na cidade sim.

  11. Luiz Carlos Flávio
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 13:17 hs

    Apoiado! O PT, PSOL, PCdoB, CUT, MST,
    MTST e seus líderes estão fazendo o que querem neste País, incentivando invasões incitando o ódio a violência, desrespeitando nosso Judiciário, e ninguém toma uma atitude sequer? Sera que que só as Forças Armadas para colocar esse povo no seu devido lugae5???

    Teremos que

  12. Luiz Carlos Flávio
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 13:20 hs

    Temos que dar um basta nessa raça de desocupados, e devolver a paz as famílias que estão sendo molestadas pelo acampamento pro-sapo barbudo, o criminoso condenado!

  13. FALA SÉRIO
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 14:32 hs

    Parabéns deputado, está faltando pessoas com coragem de dizer a verdade. O cidadão tem o direito de se defender desta corja.
    Além de vagabundos alguns ainda são explorados pelo PT e Sindicatos com a mixaria de 30,00 por dia mais a marmita.
    Excluídos da sociedade explorados pelo PT e Sindicatos.

    Esse molusco tem que apodrecer na cadeia.

  14. segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 17:45 hs

    Certíssimo , desordeiros de plantão induzidos por uma senadora louca e ladra, o povo não aguenta mais bancar esses invasores de terra e saqueadores da cidade, dá-lhe tiro de borracha no lombo deles e cela.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*