Adversários levantam passado de Joaquim Barbosa | Fábio Campana

Adversários levantam passado de Joaquim Barbosa

Radar, VEJA

Na tal pesquisa que o PSB encomendou, aquela em que Joaquim Barbosa aparece com foto, o ex-juiz dobra suas intenções de voto. No que depender do partido, sua candidatura é irreversível.

O único problema é que os adversários já estão levantando casos nebulosos da vida de Barbosa. Se ele for candidato, o tiroteio começa.


11 comentários

  1. veredito
    domingo, 29 de abril de 2018 – 11:10 hs

    Os brasileiros na faixa dos 45 anos, alfabetizados, no mínimo esforço de de memória, lembrarão trechos da vida deste senhor enquanto magistrado, que não o recomendam a Presidência da República. Gente, estamos falando do mais alto cargo da Nação!
    Não estamos falando de ser presidente de um time de futebol.Está na hora dos brasileiros deixarem de lado suas paixões, suas cores e olhar o país como um todo. O país onde seus filhos e netos viverão. Para começar recomendo procurar saber o significado das siglas partidárias e a linha que cada uma representa, verão que quem se diz socialista nunca ouviu falar esta palavra, muito menos o seu objetivo com uma população. Verão que avida profissional deste ex-ministro nada tem a ver com o socialismo que prega o PSB. Trabalhista então, é só ver onde estavam uma Marta Suplicy e seu marido, antigos proprietários de empresas no país que faliram por suas incompetências. E assim vai. Depois, então sim já com a cabeça organizada, escolher o menos ruim e pronto.

  2. Palpiteiro
    domingo, 29 de abril de 2018 – 11:22 hs

    Quem não aguenta o calor, que saia da cozinha, dizia Harry Truman sobre política.

  3. PEDROCA DO SUDOESTE
    domingo, 29 de abril de 2018 – 11:31 hs

    Em política, quem entra na chuva é para se molhar. Se prepare ex-ministro, tens muito a explicar sobre seu passado, aguarde.

  4. BOTAFOGO PRESIDENTE.
    domingo, 29 de abril de 2018 – 11:37 hs

    Esse tem bem mais que um sitio compartilhado e um apto mequetrefe,esse já meteu a mão mesmo sendo juiz.

  5. RAPHAEL MATIAS THOMASINI
    domingo, 29 de abril de 2018 – 14:26 hs

    Seria de tremenda estupidez eleger esse cara… Mais um esquerdista, mais um para lascar o país…

  6. Uncle Joe 100
    domingo, 29 de abril de 2018 – 19:00 hs

    Quem desta gente que está aí sonhando em ser sentar no trono do Palácio do Planalto que não tem esqueletos escondidos no armário:? Aposto que não sobra um que se diga honesto, que não tenha o rabo preso com ninguém, livre de qualquer tipo de suspeita. Não estou querendo nem um anjo nem um santo sentado no trono do Palácio do Planalto mas um cara que pelo menos não tenha cheiro de ladrão ou corrupto.

  7. Parreiras Rodrigues
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 5:05 hs

    Se você quer se conhecer, participe da disputa eleitoral. Desse senhor, nem a figura ridícula – escorando-se numa cadeira no tribunal, recomenda a sua candidatura.

  8. Parreiras Rodrigues
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 5:08 hs

    Aliás, o primeiro presidente operário deu no que deu, a primeira mulher presidente eis ai o resultado. O primeiro presidente negro é duvidoso também quanto ao sucesso de uma possível administração. Aliás, os sinais negativos já emitidos são sólidos.

  9. segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 8:21 hs

    Depois que ele salvou o Lula no Mensalão e declarou que o Dinheiro que lularápio tem vei das Palestras, eu começo a duvidar da honestidade do ex-ministro Joaquim Benedito Barbosa. Começou bem o Mensalão mas se perdeu ao chagar no Caso Lula, aí desandou!

  10. LENZA TOLEDO
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 10:08 hs

    Penso que já vimos o bastante a respeito desse senhor. Ele não tem amor pelo Brasil e muito menos pelos brasileiros, é o Lula disfarçado ou então Dilma. Dirceu e por aí afora. Resumindo: Não ao JB

  11. Juca
    segunda-feira, 30 de abril de 2018 – 12:56 hs

    SS Calça Frouxa não adianta você usar o apelido “BOTAFOGO PRESIDENTE”, todo mundo manja você.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*