Lava Jato investiga outras concessionárias de rodovias | Fábio Campana

Lava Jato investiga outras concessionárias de rodovias

Estadão,

A primeira fase de 2018 da Operação Lava Jato deflagrada em Curitiba na semana passada – que teve como alvo a empresa Econorte, do Grupo Triunfo, servidores do DER do Paraná e do Dnit – abre a frente de investigações de corrupção e lavagem de dinheiro no setor de rodovias, que vai alcançar outras concessionárias pelo País.
As forças-tarefa do Ministério Público Federal em Curitiba, São Paulo e Rio de Janeiro investigam a edição de medidas provisórias que prorrogam concessões de rodovias ou concedem benefícios para o setor.


7 comentários

  1. Sergio Silvestre
    quinta-feira, 1 de março de 2018 – 13:34 hs

    Agradeço aos leitores do Campana curiosos que estão acessando meu face e triplicando o numero de visualizações.
    Tem um leitor por nome de Juca que pode ser mordedor de fronha que segue fervorosamente todos os dias minhas publicações e a fila de curiosos e curiosas é extensa,tanto que eu estou pensando em me candidatar pelo senado rsrsrsrsrsr

  2. Dionleno
    quinta-feira, 1 de março de 2018 – 13:49 hs

    SS você é superpopular aqui, mas não pelas brilhantes participações, mas pelas suas piadas em defesa do pt e seus puxadinhos.
    Tem que ser muito piadista pra defender requião, gleisi, lula e demais bandidos que afundaram a Nação.

  3. FALA SÉRIO
    quinta-feira, 1 de março de 2018 – 16:18 hs

    A PF poderia começar pelo pedágio da Lapa.
    Uma vergonha essa cobrança por trecho de 30 km.

  4. RICARDO JOHANSEN
    quinta-feira, 1 de março de 2018 – 17:53 hs

    Caro FÁBIO, essa medida de investigar as demais concessionárias é altamente oportuno. Cada uma delas tem sua participação no bolo. A CCR Rodonorte tem em seu DNA a participação das empresas envolvidas na Operação Lava Jato, e portanto possui elementos com expertise, sabe como conduzir esse tipo de atividade criminosa. Os políticos corruptos são mais perversos que os traficantes de drogas e armas, pois traficam a moral e a honestidade da população. Atenciosamente., .

  5. Paulo Tadeu Macedo Neves
    quinta-feira, 1 de março de 2018 – 18:01 hs

    A ECOVIA que se cuide.

  6. Juca
    sexta-feira, 2 de março de 2018 – 8:44 hs

    Pois é SS Calça Frouixa, foi assim, entrando no facebook que ví você com aquele cuecão feito com bandeira de corrida de automóvel (quadriculada, parecendo um tabuleiro de xadrez), de cara cheia e com o namorado.

  7. Daniel, o ateu atento
    sexta-feira, 2 de março de 2018 – 9:03 hs

    Paulo Tadeu Macedo Neves:
    Sim, a Ecovia que se cuide. Quando fui para a praia recentemente (de ônibus), ao passar pelo pedágio tomei um susto ao ver os preços!
    Sempre tinha ouvido falar que era absurdo o preço cobrado, mas quando vi os preços na placa informativa, quase caí duro.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*