STJ solta Wesley Batista e mantém Joesley preso | Fábio Campana

STJ solta Wesley Batista
e mantém Joesley preso

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu nesta terça-feira (20) soltar o empresário Wesley Batista, um dos sócios da JBS, de acordo com informação do colunista Lauro Jardim. Preso há cinco meses, ele agora ficará em prisão domiciliar. Joesley Batista, irmão dele, continuará preso.

Os empresários são acusados de usarem de modo indevido informações privilegiadas para lucrarem no mercado.

Eles também fizeram uma delação que foi uma bomba para o governo Michel Temer e levou à prisão do ex-deputado federal Rodrigo Rocha Loures (MDB-PR). Em consequência da gravação de Joesley, Temer foi denunciado duas vezes, quando Rodrigo Janot ocupada a Procuradoria-Geral da República: na primeira, por corrupção passiva e na segunda por obstrução judicial e organização criminosa.

O emedebista escapou das duas denúncias, pois a Câmara dos Deputados precisaria autorizar o Supremo Tribunal Federal a investigar Temer.


3 comentários

  1. Doutor Prolegômeno
    terça-feira, 20 de fevereiro de 2018 – 16:23 hs

    Deviam logo ter autorizado a prisão domiciliar em Nova York, na Quinta Avenida ou na Park Avenue.

  2. Doutor Prolegômeno
    terça-feira, 20 de fevereiro de 2018 – 16:24 hs

    Pelo jeito foi barriga do Mr. Garden.

  3. Palpiteiro
    terça-feira, 20 de fevereiro de 2018 – 20:41 hs

    Que coisa mais estranha… o colunista sabia do resultado antes do começo do julgamento… será puro palpite???? devia ter jogado na sena acumulada… está perdendo seu tempo como jornalista….

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*