Requião perdeu o comando | Fábio Campana

Requião perdeu o comando

Ainda repercute a escolha do deputado Anibelli Neto para ser o líder da oposição na Assembleia Legislativa. Na verdade, o gesto foi um recado dos deputados estaduais do MDB a Roberto Requião. Até dezembro, era certo que a liderança seria assumida pelo filho do senador que ocupava então a vice-liderança. Mas na primeira semana de trabalho veio a surpresa: Nereu Moura, Ademir Bier e o próprio Anibelli indicaram este último para o posto que alternado entre as bancadas do PT e do PMDB.

O motivo da revolta dos três deputados são as articulações para as eleições de outubro. Requião insiste em se lançar ao Senado ou governo em chapa pura ou com o PT, mas os deputados desejam uma aliança com Osmar Dias e outros partidos da base governista, como o PSB e o DEM, pois veem riscos de não voltarem caso Requião se lance novamente em uma aventura.


Um comentário

  1. Uncle Joe 100
    sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018 – 19:07 hs

    Será que desta vez a teimosia e o caciquismo requianista não vai imperar no velho de guerra? Esta turma velha parece não ter capacidade de pensar sem a ajuda sempre “inestimáve” l de Maria Louca.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*