Que horas são? | Fábio Campana

Que horas são?

Expresso,
Em 2016, quando prestou depoimento ao Grupo de Trabalho da Lava Jato, o delator e lobista da Odebrecht Cláudio Melo Filho afirmou aos procuradores da República que presentou o ex-governador e ex-ministro Jaques Wagner (PT-BA), apelidado de “Polo’, com dois relógios avaliados em R$ 80 mil. Assim que as declarações de Melo Filho se tornaram públicas, o petista disse que nunca usou o presente. “Guardei e nunca usei, porque eu uso outro tipo de relógio”, afirmou Wagner. Durante a Operação Cartão Vermelho, deflagrada pela Polícia Federal ontem como parte da apuração que tentar comprovar o recebimento de propina por parte do petista, os agentes recolheram 15 relógios de luxo no apartamento do ex-governador em Salvador.

(Foto: José Cruz/Agência Brasil)


5 comentários

  1. Daniel, o ateu atento
    terça-feira, 27 de fevereiro de 2018 – 10:39 hs

    Nossa, é incrível até onde vai a canalhice…

  2. Daniel, o ateu atento
    terça-feira, 27 de fevereiro de 2018 – 10:46 hs

    “Abusus non tollit usum”.
    Mas neste caso, tolheu.

  3. Parreiras Rodrigues
    terça-feira, 27 de fevereiro de 2018 – 11:47 hs

    Cada um tem lá o seu lobby.

    O meu é colecionar contas a pagar.

  4. Sergio Silvestre
    terça-feira, 27 de fevereiro de 2018 – 13:08 hs

    Enquanto falam de relogios o Paulo Preto e seus patrões Serra,Alkmim estão por ai moendo as propinas .

  5. BETO
    terça-feira, 27 de fevereiro de 2018 – 15:57 hs

    KKKKKK
    E ai carça froxa, NÃO obra um kkkkk

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*