Corinthians e Odebrecht têm que devolver R$ 400 mi à Caixa | Fábio Campana

Corinthians e Odebrecht têm que devolver R$ 400 mi à Caixa

Uma ação popular ajuizada em 2013 por um advogado gaúcho, que questionava a legalidade do financiamento da Arena Corinthians e pleiteava a nulidade do repasse de verbas públicas para a construção da arena do clube foi julgada procedente pela Justiça Federal do Rio Grande do Sul. Em sentença publicada em 5 de fevereiro, a juíza federal Maria Isabel Pezzi Klein determinou o ressarcimento de R$ 400 milhões pela construtora Odebrecht, o Corinthians, o ex-presidente da Caixa Econômica Federal, Jorge Fontes Hereda, e a Sociedade de Propósito Específico Arena Itaquera S.A captados junto ao BNDES – o ressarcimento deve ser feito à CEF, mas ainda cabe recurso.


3 comentários

  1. Daniel, o ateu atento
    quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018 – 15:07 hs

    Enquanto isto, tem gente que briga e até mesmo mata outros por causa de futebol.

  2. JÁ ERA...
    quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018 – 15:25 hs

    É bom estas empresas não devolverem por enquanto nenhum
    dinheiro à Caixa. Vai sumir de outra maneira…

  3. Juca
    quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018 – 17:56 hs

    O Lula deve também arcar com parte deste ressarcimento pois visivelmente esteve envolvido na falcatrua para presentear o time do coração com um estádio novinho!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*