Ricardo Barros libera mais R$ 20,1 milhões para Curitiba | Fábio Campana

Ricardo Barros libera mais R$ 20,1 milhões para Curitiba

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, e o prefeito em exercício de Curitiba, Eduardo Pimentel, anunciam nesta terça-feira, 2, a liberação de mais R$ 20,1 milhões para serviços de média e alta complexidade da saúde da capital. A cerimônia será às 15h30 no salão nobre da prefeitura.

Do total, R$ 10 milhões serão repassados para a prefeitura aplicar em serviços de média e alta complexidade, R$ 612 mil para o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS II Portão) e outros R$ 9,5 milhões serão repassados para os hospitais São Vicente, Mater Dei, Erasto Gaertner, Pequeno Príncipe, Cruz Vermelha, Santa Casa, Cajuru e Evangélico.


2 comentários

  1. Aline
    quarta-feira, 3 de janeiro de 2018 – 0:56 hs

    Que bom que o ministro da saúde é do Paraná.
    Assim conseguimos mais verbas que os outros.
    O Paraná merece.

  2. auréloi Bocalo
    quarta-feira, 3 de janeiro de 2018 – 9:51 hs

    Pois é mesmo !
    Mas, essas verbas precisam se transformar em dinheiro de verdade e não em convênios e recursos escriturais de rubricas orçamentárias e em créditos adicionais etc.
    Depois com o depósito em banco liberado na conta do estado, aí começa o problema, que é saber como e onde gastar e bem nos projetos que até agora niguém sabe quais , salvo os que servem para tampar os buracoas do SIS, tipo hospitais que estão a beira da falência.
    Agora dá para ter uma idéia de verdade quanto o Beto Richa segurou recursos para Curitiba e hoje, êle candidato ao senado e a Cida ao goverbo o dinheiro apareceu.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*