Cresce pouco, mas cresce | Fábio Campana

Cresce pouco, mas cresce

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, diz que o resultado do Produto Interno Bruto (PIB, a soma de todas as riquezas produzidas no país, divulgado ontem, apesar de baixo, “mostra que o Brasil segue uma trajetória de crescimento”. O ministro afirma ainda que o avanço no investimento “mostra otimismo em relação ao futuro”. O ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, que também comentou os resultados na rede social, diz que a recuperação da economia está consolidada.

Os dados das contas trimestrais referentes ao terceiro trimestre do ano foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O PIB fechou o terceiro trimestre de 2017 com alta de 0,1% na comparação com o segundo trimestre, na série ajustada sazonalmente. Foi a terceira alta consecutiva. Na comparação com o terceiro trimestre do ano passado, o crescimento do PIB foi de 1,4%.

De acordo com Meirelles, o crescimento do PIB entre julho e setembro, de 0,1% “pode parecer baixo, mas é forte se analisado por setores. Sem a agricultura, que caiu por razões sazonais, o crescimento foi de 1,1%”. O ministro destaca ainda que o avanço acumulado no ano até setembro é de 0,6%, “número que já supera a previsão inicial dos economistas para 2017”.


Um comentário

  1. Uncle Joe 100
    sexta-feira, 1 de dezembro de 2017 – 15:44 hs

    Talvez este crescimento quase ridículo não nos entusiasme mas os hermanos estão loucos de felizes, porquê estão vendendo mais para nós ou porquê estamos comprando mais deles. Só sei que eles estão muito felizes.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*