Para Cunha, Ministério Público e Joesley são cúmplices | Fábio Campana

Para Cunha, Ministério Público e Joesley são cúmplices

Eduardo Cunha afirmou em seu depoimento que o Ministério Público Federal e Joesley Batista forjaram uma suposta compra de seu silêncio, para poder incriminar o presidente Michel Temer. Isso tem relação com a gravação de Joesley e Temer e a frase ‘tem que manter isso, viu?’. E para ‘provar’ sua afirmação, diz que não recebeu nenhum tostão e que está vivendo em ‘absoluta penúria’, que não consegue nem pagar os honorários de seus advogados.
Pobre Cunha!

(Foto: Agência Brasil)


Um comentário

  1. Sergio Silvestre
    segunda-feira, 6 de novembro de 2017 – 16:54 hs

    Esse cara manda no Brasil,manda na policia federal manda até no Moro.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*