Mais R$ 70 milhões para publicidade | Fábio Campana

Mais R$ 70 milhões para publicidade

Painel, Folha de S. Paulo

As primeiras pesquisas sobre a repercussão das publicidades pela reforma da Previdência animaram o governo. Até levantamentos patrocinados por parlamentares do Nordeste indicam que, embora ainda longe de ser um consenso, a aceitação da proposta cresceu sensivelmente, especialmente nas classes D e E. A melhora no ambiente para o debate com a população fez com que o governo dobrasse a aposta. O Planalto liberou mais R$ 72 milhões para reforçar a ofensiva de comunicação.

O grosso da nova verba será usado para ampliar a exibição das peças que defendem as novas regras de aposentadoria. Outra parte, bem menor, para divulgar o programa Avançar.

As enquetes de parlamentares do Nordeste mostram que o mote do “combate aos privilégios” começou a colar.

Para o Planalto, a publicidade que teve mais aceitação é a que mostra o narrador dizendo a uma empregada doméstica que, para ela, nada vai mudar.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*