Governo cogita Imbassasahy na Secretaria de Direitos Humanos | Fábio Campana

Governo cogita Imbassasahy na Secretaria de Direitos Humanos

O Globo

Na troca de cadeiras na minirreforma ministerial, o presidente Michel Temer cogita trocar de pasta o ministro da Secretaria Geral de Governo, Antonio Imbassahy (PSDB-BA). Ele deve assumir a Secretaria de Direitos Humanos, que está nas mãos de Luislinda Valois, do mesmo partido.

Temer procura um cargo à altura para Imbassahy a quem tem apreço, segundo interlocutores e também para não se indispor com um grupo do PSDB, que apoia o governo. A permanência do ministro no atual cargo, que faz a interlocução com o Congresso, se tornou insustentável porque os partidos que compõem o chamado Centrão se recusam a negociar com ele, após desentendimentos.

Para um dirigente tucano ligado a Imbassahy, sua ida para o Ministério dos Direitos Humanos, resolveria dois problemas de Temer:

— Temer não quer abrir mão de Imbassahy. O baiano é jeitoso e se transformou em um amigo íntimo do presidente, que não quer perdê-lo. Com seu remanejamento para Direitos Humanos, Temer preserva Imbassahy, abre a vaga da articulação política para acomodar o PMDB ou alguém do Centrão, e tira Luislinda, uma pessoa que não está ajudando.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*