Osmar Dias e a falta de notícias | Fábio Campana

Osmar Dias e a falta de notícias


Osmar Dias diz que percebeu que quando não há notícia nova ele vira manchete. Na véspera de fim-de-semana ou de feriado, quando a Lava Jato acalma, o parlamento entra em recesso e o governo vai para a praia, começam as especulações sobre a sua candidatura, opções partidárias e de alianças.

Para que não haja dúvidas, ele repete mais uma vez o seu mantra: será candidato a governador, em nenhuma hipótese será candidato a senador. Sobre a questão partidária, não tem pressa e nada vai decidir antes de abril. Se mudar de sigla só terá uma opção, o Podemos, de seu irmão Alvaro Dias.

“Tudo o mais é conversa pra boi dormir”, garante Osmar, que já nem se irrita mais com a insistência da mídia em pregar as mesmas falácias. “Essa gente não tem criatividade, não conseguem inventar outra coisa”, reclama.


4 comentários

  1. Maquiavel
    quarta-feira, 11 de outubro de 2017 – 9:17 hs

    O urtigão sempre indeciso…vai para o senado.

  2. ENGRAÇADO.
    quarta-feira, 11 de outubro de 2017 – 9:35 hs

    Esse cara é irmão gêmeo da Marina Silva, só aparece na véspera de eleições dizendo ser candidato, o que tem feito pelo Paraná??????

  3. Doutor Prolegômeno
    quarta-feira, 11 de outubro de 2017 – 10:19 hs

    O eterno candidato. Vai disputar como nunca e perder como sempre.

  4. MARIA DOS SANTOS
    quarta-feira, 11 de outubro de 2017 – 10:28 hs

    O que esperar de um vendido ao PTralhas, vc já era, votei no senhor Osmar Dias, mas nunca mais desperdiçarei meu voto, e se Álvaro Dias apoiar o senhor, também não terá meu voto

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*