Nem a pau, Juvenal | Fábio Campana

Nem a pau, Juvenal

Osmar Dias só tem duas opções de partido para disputar o governo no ano que vem. Ou fica no PDT ou vai para o Podemos do mano Alvaro Dias. A segunda hipótese é quase certa.

No PSB, nem a pau.


3 comentários

  1. Doutor Prolegômeno
    quinta-feira, 5 de outubro de 2017 – 15:13 hs

    Sem dúvida alguma, phodemos é o verbo mais conjugado no Brasil.

  2. Religioso
    quinta-feira, 5 de outubro de 2017 – 16:05 hs

    O Osmar Dias é Lula, é PT. Esqueçam esse sujeito. O Álvaro é PT, também. Levou Fachin para o STF para que?

  3. Laertes Marcondes Lopes
    quinta-feira, 5 de outubro de 2017 – 18:36 hs

    O Osmar sempre foi devagar para decisões, mas não é burro de entrar em um jogo perdido por antecipação. É um grande profissional na área de agricultura, deu extraordinária colaboração ao Paraná neste setor. Mas politica é politica, e quem torce para que vá ajudar o irmão e a vovó naná.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*