Lavagem de dinheiro no Ministério do Turismo | Fábio Campana

Lavagem de dinheiro no
Ministério do Turismo

Vamos lá, mais um boletim da rotina política-policial de todo dia. O lance de hoje: a Polícia Federal deflagrou a Operação Lavat, destinada a desarticular organização criminosa investigada na Operação Manus, que continuou praticando crimes de lavagem de dinheiro. As buscas são no Ministério do Turismo.
Em junho, a Manus prendeu o ex-ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, do PMDB do Rio Grande do Norte, e três ex-assessores. Não bastou. Durante a análise do material apreendido da Manus, ‘foram identificadas fortes evidências quanto à atuação de outras pessoas pertencentes a organização criminosa, que continuou praticando crimes de lavagem de dinheiro e ocultação de valores para o chefe do grupo’. E tem mais, segundo a Polícia Federal, ‘foi identificado também esquema criminoso que fraudava licitações em diversos municípios do Estado visando obter contratos públicos, que somados alcançam cerca de R$ 5,5 milhões para alimentar a campanha ao governo do Estado de 2014’.


Um comentário

  1. Jose Nascimento
    quinta-feira, 26 de outubro de 2017 – 10:17 hs

    Seu Campana… A VIDA INSISTE EM ME SURPREENDER ! só queria que ela me surpreendesse com uma mala de dinheiro, que anda esparramada por esse Brasil.E apos a benção dada ao miSCHHEL, por poderes oculto,fico aqui a pensar… o caráter do MBL, pode ser medido, observando por que lado seus membros começa a comer suas Coxinhas.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*