Taxa de lixo para uns, isenção de IPTU para outros | Fábio Campana

Taxa de lixo para uns, isenção de IPTU para outros

A desvinculação da cobrança da taxa do lixo do IPTU aprovada na semana semana passada pela Câmara de Vereadores é uma medida para contornar a crise, aumentando a arrecadação da cidade – assim foi a justificativa dada pelo prefeito e entendida pelo legislativo.
Mas os vereadores que votaram para criação de mais uma conta para os cidadãos, lançaram uma outra ideia: estender para os imóveis alugados, a isenção do pagamento do IPTU já oferecido para igrejas que funcionam em imóveis próprios. Thiago Ferro e outros dez parlamentares da bancada evangélica assinaram o que podemos chamar de desaforo nesses tempos em que vivemos.
Não seria mais decente pensar o contrário e todo mundo pagar o imposto igualmente? Afinal de contas, se todo mundo é igual perante Deus, como afirmam as igrejas e perante as leis, como afirma a Constituição, está na hora de colocar a palavra em prática, ou não?


Um comentário

  1. Maquiavel
    segunda-feira, 25 de setembro de 2017 – 11:45 hs

    É por estas e outras que o beto perde votos: olha em que companhias anda!

    Este Tiago Ferro acaba com a paciência de qualquer um…e ainda não foi expulso do partido do governador sabe-se lá porque…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*