Richa entrega casas para 2089 famílias em Cascavel | Fábio Campana

Richa entrega casas para 2089 famílias em Cascavel

O governador Beto Richa e o ministro das Cidades, Bruno Araújo, entregaram nesta quinta-feira (21) as chaves da casa própria para 2.089 famílias de Cascavel. Elas vão morar no Residencial Jardim Riviera, um dos maiores empreendimentos habitacionais do Brasil. Também participaram da entrega o presidente da Caixa Econômica Federal, Gilberto Occhi, e o presidente da Cohapar, Abelardo Lupion e o prefeito Leonaldo Paranhos.

Richa ressaltou que o residencial é resultado da boa parceria entre Estado, União e prefeitura. “A parceria com o governo federal, que agora se afina, é de respeito, de trabalho, e beneficia todos os municípios do Paraná. Este grandioso conjunto habitacional de Cascavel é um exemplo pela qualidade do empreendimento, pelos equipamentos comunitários e sociais”, disse ele.

As ações na área de habitação no Estado atendem 105 mil famílias com novas casas, urbanização e regularização fundiária. “Estamos realizando esse sonho para milhares de paranaenses”, afirmou, lembrando que algumas famílias aguardaram por décadas pela casa própria.

Estrutura – São 269 casas e 1.820 apartamentos. As novas moradias vão abrigar cerca de 8 mil pessoas, população igual ou maior que a de 170 municípios do Paraná. O investimento chega a R$ 148 milhões, feito pelo Governo do Estado e Governo Federal, além da prefeitura.

Para atender as demandas dos novos moradores, a região ganhou uma escola municipal, dois centros municipais de educação infantil, uma unidade básica de saúde, um Centro de Referência da Assistência Social (Cras), além de parque ambiental com salão social, pista de caminhada, quadra poliesportiva e academia da terceira idade.

Para viabilizar as obras do Jardim Riviera e reduzir os custos de financiamento pagos pelos moradores, o Estado fez um aporte de R$ 3 mil por imóvel, por meio da Cohapar. A Sanepar e a Copel fizeram instalação subsidiada de energia e saneamento. Com estes benefícios, as famílias pagarão prestações que vão de R$ 80 a no máximo R$ 270 ao mês, durante 10 anos.


Um comentário

  1. Djair
    quinta-feira, 21 de setembro de 2017 – 17:54 hs

    Típico de político explorador, não tá fazendo mais que a obrigação, srº Beto Richa seu papel ao assumir o poder executivo e trabalhar e dar condições à esse pobre povo sofrido, pagamos impostos altos para isso; fazer cartaz com chapéu alheio é fácil!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*