Os encontros de Funaro e Temer | Fábio Campana

Os encontros de Funaro e Temer

No dia 24 de agosto, Michel Temer afirmou em entrevista ao SBT Brasil que não conhecia Lúcio Funaro, que não tinha nenhuma relação. Depois, pensou melhor e lembrou que havia encontrado-o numa ocasião, mas sem proximidade.
Embora a delação de Funaro ainda permaneça em sigilo, informações de que o corretor descreveu três encontros com o presidente se tornaram públicas.
Funaro afirmou que esteve com Temer em três ocasiões: um encontro na base aérea de São Paulo, outro durante comício em Uberaba (MG) e uma terceira numa reunião de apoio à candidatura de Gabriel Chalita à Prefeitura de São Paulo.
Parece irrelevante se Temer e Funaro realmente se encontraram pessoalmente, já que há muita gente em volta que pode levar e trazer recados ou malas de dinheiro. Mas, ainda assim, é bom dar uma olhada nas companhias que, segundo o delator, testemunharam os encontros: na base aérea e em Uberaba, Eduardo Cunha estava presente, sendo que em Uberaba contaram também com Ricardo Saud, aquele da JBS. Já a reunião para tratar da candidatura de Chalita foi feita na Assembleia de Deus no bairro do Bom Retiro, em São Paulo, com os bispos Manoel Ferreira e Samuel Ferreira.
Michel Temer nega. Eduardo Cunha nega. Lúcio Funaro jura que é verdade.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*