'Lula não deve ser candidato' | Fábio Campana

‘Lula não deve ser candidato’

O ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa disse, em entrevista ao Valor Econômico publicada nesta sexta-feira, 1, que não acredita que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deve voltar a se candidatar ao Planalto. “Acho que ele não deveria ser candidato. Vai rachar o País ainda mais”, disse. Cotado para disputar as eleições em 2018, Barbosa nega que será presidenciável, mas diz que “não é hipócrita” e “percebe este potencial”.
“Não sei como são feitas essas pesquisas em que colocam meu nome, mas não sou hipócrita”, disse o ex-ministro à publicação. “Ando nas ruas, nos aeroportos e por onde vou as pessoas me abordam. Percebo que há esse potencial, mas não incentivo nem tomo qualquer iniciativa para alimentar isso.”
Barbosa destacou sua admiração pelo governador do Espírito Santo Paulo Hartung (PMDB). “Se eu entrasse nisso (na política), iria chamá-lo”, disse.
O ex-ministro disse ainda que “Michel Temer deveria ter tido a honradez de deixar a Presidência”. Comparou a denúncia contra o peemedebista, feita pela Procuradoria-Geral da República, e o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff e disse que “não há parâmetro de comparação entre a gravidade dos fatos”.
As informações são do Estadão, com foto de Nelson Jr/SCO/STF.


2 comentários

  1. CAÇADOR DE VERMES PETISTAS.
    sexta-feira, 1 de setembro de 2017 – 12:17 hs

    A majestosa cara de pau de Lula em insistir na sua candidatura demonstra o desespero de tentar se livrar da CADEIA e o quanto safado é em mostrar a sua cara suja em palanques Nordestinos, mentindo e tentando enganar os pobres coitados. Lula não será, Lula já tem seu lugar reservado no Presídio da Capital de Curitiba.

  2. Venezuelano
    sexta-feira, 1 de setembro de 2017 – 15:30 hs

    Joaquim Barbosa pode ter ajudado no Mensalão. Mas é uma pessoa politicamente despreparada. Apesar de tentar mostrar que reza pelo liberalismo, defende o Lula e o PT. E não tem inteligência política. Então, não pode ser coisa boa.
    Se o infortúnio nos atingir e ele for alçado à presidência deste país, poderemos estar rivalizando com a Venezuela em breve, se ela ainda existir.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*