Lei de Ratinho Junior proíbe mutilações de animais no Paraná | Fábio Campana

Lei de Ratinho Junior proíbe mutilações de animais no Paraná

O deputado Ratinho Junior (PSD) comentou nesta segunda-feira, 18, a decisão da justiça que ordenou dono de cães num bairro de Curitiba a cortar as cordas vocais dos animais porque incomodavam os vizinhos com latidos altos. “Muita polêmica sobre uma decisão que obrigou os donos de uns cachorrinhos a terem as cordas vocais cortadas, depois de uma denúncia de vizinhos que estavam “incomodados” com o barulho dos latidos. Quero lembrar que sou o autor da lei que proíbe esse tipo de mutilação no Paraná. O latido é a forma do cãozinho se comunicar com a gente. É lei, tem que cumprir”, lembrou na Ratinho Junior no seu perfil no Facebook.

A lei de autoria de Ratinho Junior proíbe cirurgias de cordotomia nos animais. “Cordotomia é uma técnica utilizada para reduzir latidos e miados estridentes por meio da extração das cordas vocais dos animais. Os veterinários consideram a operação uma mutilação. Além disso, durante a cirurgia, o animal corre o risco de sofrer edema da glote, parada respiratória e paralisia da laringe”.

A polêmica tomou conta das redes sociais e até abaixo-assinado virtual corre nas redes sociais contra a decisão da justiça.


4 comentários

  1. Sergio Silvestre
    segunda-feira, 18 de setembro de 2017 – 18:07 hs

    Principalmente RATOS.

  2. ciro
    segunda-feira, 18 de setembro de 2017 – 18:11 hs

    Esse juiz que faça uma intervenção em seu sfincter para parar de fazer m…………

  3. falido e ainda mal pago
    segunda-feira, 18 de setembro de 2017 – 18:23 hs

    Proíbe até mutilação de rato! kkk, legislando em causa própria!

  4. Sapo Eletrico
    segunda-feira, 18 de setembro de 2017 – 19:07 hs

    Pois fez muito bem!
    Deveria também proibir a castaçao!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*