Joesley chorou na cela da PF | Fábio Campana

Joesley chorou na cela da PF

O delator Joesley Batista chorou no momento em que os agentes abriram a cela da carceragem da superintendência da Polícia Federal em São Paulo para que ele entrasse após se entregar na tarde deste domingo. Joesley e o executivo da JBS Ricardo Saud devem ser transferidos para Brasília na segunda-feira, 10, em aeronave da Polícia Federal. A prisão é temporária, com prazo de cinco dias prorrogáveis por mais cinco. As informações são de Andreza Matais na Coluna Estadão.


3 comentários

  1. Sergio Silvestre
    segunda-feira, 11 de setembro de 2017 – 8:38 hs

    Essa prisão deve agora passar a ser definitiva para uma tortura psicológica com um sujeito tipo Palloci,fraco e covarde,ai numa sala com pouca Luz alguém vai lhe dizer,fique com sua linda esposa e com seus aviões e iates,por que nós queremos a cabeça do Lula,depois pode voltar com suas empresas etc.Lembrem-se do Yossef?pois é,toda semelhança é mera coincidência,até por que depois de operar no caso Banestado ele voltou e vai voltar de novo.Quem era o Juiz?MORO ORA O MORO “””””””

  2. Viva Moro
    segunda-feira, 11 de setembro de 2017 – 10:20 hs

    Viva o Moro por mostrar ao país quem são Lula et caterva. Nunca houve um líder como Moro. O Brasil é seu devedor.

  3. Juca
    segunda-feira, 11 de setembro de 2017 – 12:33 hs

    SS Calça Frouxa, pare de fumar maconha antes de comentar neste blog!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*