Entre mortos e feridos, todos foram à festa de Geddel | Fábio Campana

Entre mortos e feridos, todos foram à festa de Geddel

Da coluna Radar:
Aécio Neves e Eduardo Cunha estavam lá

Lúcio Funaro deu a medida do quanto Geddel Vieira Lima gosta de dinheiro ao contar que levou um calhamaço de propina para Salvador no dia da festa de 15 anos da filha do ex-ministro, em 2014.
O evento, inclusive, atraiu a nata dos parceiros de Joesley Batista. Apareceram por lá Aécio Neves e Eduardo Cunha, lógico.
Na ocasião, em entrevista à Folha, Cunha admitiu apenas que era amigo do pai da aniversariante. Naquele momento, isso não soava tão feio quanto nos dias atuais. “Não fui a uma festa da oposição, e sim ao aniversário da filha de um amigo. É claro que sabia que os candidatos estariam lá. Não sou covarde e não deixaria de ir por isso”, disse Cunha, à época, abordando a presença dos candidatos ao Palácio do Planalto Eduardo Campos e Aécio Neves.


Um comentário

  1. CAÇADOR DE VERMES PETISTAS
    terça-feira, 12 de setembro de 2017 – 13:07 hs

    Ladrão é ladrão independentemente de ideologia partidária e tem que ser preso.

    Assim é que tem que ser e assim tem que prevalecer pois somente assim esses bandidos irão parar de roubar e serão tratados como tal mas infelizmente existem os Sergios carça froxas e os Rocks da favela que são facilmente doutrinados pelo amança burros Lula da Silva o língua de trapo. É por isso que esse pais não vai pra frente.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*