Durval Amaral contesta acusação | Fábio Campana

Durval Amaral contesta acusação

O presidente do Tribunal de Contas do Paraná, Durval Amaral, emitiu nota na qual refuta as acusações que lhe foram feitas por Eduardo Lopez de Souza, dono da Construtora Valor, de que teria se beneficiado de dinheiro desviado de obras públicas. É o que segue:

Em relação à citação de meu nome na delação premiada do dono da construtora Valor, tenho a afirmar que:

– Repudio a inclusão de meu nome na delação do sr. Eduardo, a quem não conheço, o que pode configurar uma represália pelo fato de, no dia 2 de julho de 2015, ter emitido liminar no Tribunal de Contas (Acórdão 2964/15) determinando a suspensão imediata de pagamentos e contratos da empresa, bem como ter encaminhado a denúncia à polícia, Ministério Público e Tribunal de Contas da União, o que deu início a todo o processo de investigação do caso e à qual determinei total publicidade aos meios de comunicação;

– No Tribunal de Contas, aliás, tramitam sete processos contra a empresa Valor e outras cinco empresas que atuavam da mesma forma fraudulenta, que provocaram prejuízos de mais de R$ 30 milhões aos cofres públicos estaduais e federais. Os processos envolvem 42 pessoas e estão relacionados a 14 obras. Todos os pareceres nestes processos foram pela suspensão de contratos e pagamentos, devolução e responsabilização dos envolvidos. Cópias foram encaminhadas pelo TCE às autoridades judiciárias e policiais.

– Informou ainda que constitui advogado para acionar pessoas que tenham citado de forma indevida o meu nome, visando reparação judicial por danos morais.


3 comentários

  1. Sem Medo
    sexta-feira, 1 de setembro de 2017 – 18:39 hs

    Durval, raposa velha, Hermas também, Traiano malandro sem vergonha, se o GAECO soube-se a metade de vossos delitos, quanta grana pego de servidores públicos a troco de regulamentar pendencias e não cumpriram o combinado, lembram, a hora de voceis esta chegando.

  2. Paulo Sakamoto
    sexta-feira, 1 de setembro de 2017 – 20:26 hs

    Durval Amaral tambem é homem sério…. isso é calunia

  3. Augusto voroski
    sexta-feira, 1 de setembro de 2017 – 22:00 hs

    Durval Amaral não deveria usar tribunal de contas para eleger filho
    Cemitério de políticos em fim de carreira e o Tcontas
    Grupinho de marajás inúteis e desocupados

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*