CPI da JBS define plano de trabalho nesta quarta | Fábio Campana

CPI da JBS define plano de trabalho nesta quarta

O deputado Delegado Francischini (SD-PR) disse que a CPI da JBS, da qual é sub-relator, vai definir seu plano de trabalho nesta quarta-feira, 20, e o procurador da República Ângelo Villela, deve ser um dos primeiros a ser ouvido. A expectativas dos integrantes da comissão mista, de deputados e senadores, é finalizar os trabalhos em três meses.

Em entrevista à Folha de S. Paulo, Villela sustentou que o procurador Rodrigo Janot fez o acordo de delação premiada com o objetivo de derrubar o presidente Michel Temer. Villela passou 76 dias preso por determinação do STF por suspeita de ter recebido R$ 50 mil para dar informações privilegiadas a executivos da JBS.

Francischini, sub-relator que cuidará da apuração das delações, disse que Villela já havia “mandado recado” para parlamentares, demonstrando desejo de ser ouvido. “Alguém conseguiu dar voz para ele?”, indagou.

No entanto, Francischini pondera que Villela deve comparecer na condição de investigado. “Não podemos usar um investigado para fazer acinte contra as autoridades que promovem as investigações.”


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*