Conversa de bêbado | Fábio Campana

Conversa de bêbado

Por Augusto Nunes

Advogado de Joesley confirma que seu cliente prefere falar com gravadores ligados por acaso e depois de fartas doses de uísque

“Joesley não se recusou a falar, mas, em respeito ao procedimento que corre perante o Supremo Tribunal Federal, permaneceu calado e se compromete a explicar todos os fatos após a resolução dessa situação”.
(Ticiano Figueiredo, advogado de Joesley Batista, explicando que seu cliente não se recusou a falar durante o depoimento na Superintendência da Polícia Federal em Brasília, o que é proibido pelo acordo de colaboração premiada que assinou: apenas permaneceu calado).


2 comentários

  1. Tele
    quarta-feira, 13 de setembro de 2017 – 16:48 hs

    O cara é casado com a Ticiana e tem um advogado Ticiano? e não Tici tudo.

  2. Juca
    quinta-feira, 14 de setembro de 2017 – 11:19 hs

    Como c. de bêbado não tem dono, lascou-se galã caipira…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*