Samarco pagou só 1% do valor de multas | Fábio Campana

Samarco pagou só 1% do valor de multas

A tragédia provocada pelo rompimento da barragem da empresa Samarco, que matou 19 pessoas e acabou num caminho de 600 quilômetros de destruição e lama, está longe de acabar.
O Ibama e os governos de Minas Gerais e Espírito Santo aplicaram 68 multas ambientais a Samarco, que totalizam 552 milhões de reais. Mas apenas a entrada de uma, parcelada em 59 vezes, foi paga. A empresa recorre das outras. Tudo dentro da lei, mas tão imoral que é inacreditável que coisas assim ainda aconteçam.


Um comentário

  1. Geraldo Martins
    quinta-feira, 10 de agosto de 2017 – 13:31 hs

    O Caso SAMARCO, é a prova cabal que a justiça brasileira é obsoleta e inoperante. Isso pra não dizer outras coisas.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*