PMDB vai vetar coligações com PT e PCdoB em 2018 | Fábio Campana

PMDB vai vetar coligações
com PT e PCdoB em 2018

O PMDB terá candidatos aos governos estaduais em todos os estados em 2018. A estratégia servirá para fortalecer provável candidatura própria para presidente em 2022. “Vamos planejar as eleições de 2018. Minha posição é de candidatura a governador em todo estado onde for possível. Temos que preparar uma candidatura forte para presidente em 2022 e para isso precisamos da base disputando as eleições. Vamos respeitar a posição de cada estado, mas onde puder lançar candidatura, vamos lançar. Essa é uma prioridade do partido”, disse.

Romero Jucá disse que vai levar à Executiva do PMDB a proposta de proibição de coligações com o PT e o PCdoB. “São adversários e não dá para apoiarmos candidatos do PT. O que passou, passou. Foi importante para o Brasil, mas passou. Temos que ter clareza e firmeza em nossas posições, que hoje não combinam com as posições do PT”.

“O PT hoje é um grande adversário que denigre o PMDB, denigre a política e tudo mais. Eu defendo que para 2018, o PMDB não faça coligações com o PT, nem como o PCdoB”, completou.

Ainda sobre as coligações regionais, Romero Jucá lembrou que aliança com o PT “é coisa do passado”. “O presidente Michel Temer assumiu e teve que fazer um resgate da história do país, da economia. Tivemos que enfrentar inclusive o próprio PT querendo atrapalhar, querendo trazer o país de novo para o atraso. E isso mostra posições programáticas completamente divergentes. Não há nada do PT que combine com o PMDB. Vamos discutir isso dentro do partido, mas a minha posição individual é que não se coligue com o PT, nem com o PCdoB em nenhum lugar do Brasil”.


2 comentários

  1. PEDRO DO SUDOESTE
    quarta-feira, 9 de agosto de 2017 – 15:35 hs

    Isso mesmo. Tem que se livrar desses ratos de esgoto, defensores de DITADORES.

  2. Do Interior...
    quarta-feira, 9 de agosto de 2017 – 17:51 hs

    PT e seus aliados deveriam ser extintos. Inclusive esse PMDB velho de guerra e de malandros. Mamaram junto com o PT por 13 anos, agora faz pose de santo. Veja quem indicava os cargos na Petrobras, a troco de apoio de Renan e Cunha?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*