Planalto usa contrato com agência da ONU para favorecer jovens do PMDB | Fábio Campana

Planalto usa contrato com agência da ONU para favorecer jovens do PMDB

Que tal o que informa a coluna Expresso?
A Secretaria Nacional da Juventude, vinculada à Presidência da República, decidiu usar um contrato com a Unesco – agência da Organização das Nações Unidas (ONU) que fomenta a educação, a ciência e a cultura – para garantir rendimentos a pessoas ligadas à legenda em 11 estados. Receberão para disseminar o programa de governo “Identidade jovem”.

Dessas, oito ganharão R$ 12 mil. Um dos felizardos é Armenius Sales. Ele se filiou ao PMDB no Piauí em 2011. Em Goiás, a escolhida é Aline dos Santos, que se candidatou ao cargo de vereadora na cidade de Piracanjuba em 2016. No Maranhão, estado do ex-presidente José Sarney, o encarregado será o peemedebista Dedê da Trizidela. Ele foi candidato a vereador na cidade de Bacabal no ano passado.

Os três restantes são mais sortudos. Ganharão R$ 77 mil para coordenar os mobilizadores estaduais. Um deles é Helber Augusto Reis Borges. Membro da Juventude do PMDB em Minas Gerais, Helber já postou, orgulhoso, uma foto com o presidente Michel Temer em uma rede social em novembro do ano passado. “Acabei de me reunir com o presidente da República. É uma grande honra e alegria… Com maestria, tem trabalhado para retirar o Brasil da crise.” Outro que ganhará R$ 77 mil é o paulista Fabio Antunes, candidato a vereador pelo PMDB em Guarujá.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*