Nascidos um para o outro | Fábio Campana

Nascidos um para o outro

Por Augusto Nunes:

O que se viu em Alagoas nesta terça-feira não foi a reconciliação entre Lula e Renan Calheiros ─ pela simples e boa razão de que nunca foram rompidos os laços de afeto consolidados em 13 anos de cumplicidade. De 2003 para cá, sempre esbanjando harmonia, a dupla fez o diabo no Congresso, fez coisas de que até Deus duvida em campanhas eleitorais e fez bonito no assalto aos cofres da Petrobras. Separados fisicamente, mantiveram-se atados por interesses comuns e pelas trapaças do destino.
Ambos atropelados pela Lava Jato, tanto o chefe do partido que virou bando quanto o senador que lidera a bancada do cangaço estão soterrados por inquéritos e processos. Nada como o medo de cadeia para tornar ainda mais sólidos casamentos bandidos. Nascidos um para o outro, Lula e Renan logo dividirão outro palanque, em busca da vitória na disputa eleitoral que escolherá os novos síndicos das celas de presídio que abrigam a população carcerária.

Foto: Ricardo Stuckert/Fotos Públicas


6 comentários

  1. rodrigues
    quinta-feira, 24 de agosto de 2017 – 11:54 hs

    Tão amigos, vão morrer juntos na Papuda.

  2. CAÇADOR DE VERMES PETISTAS
    quinta-feira, 24 de agosto de 2017 – 13:19 hs

    Corja de vagabundos.

    Os apoiadores deste ladrão deveriam se envergonhar da postura deste porco. O Brasil não merece ser representado por este LIXO.

  3. BETO
    quinta-feira, 24 de agosto de 2017 – 13:20 hs

    Ué, já estamos em 2018???
    E ai justiça Eleitoral, pode isso???

  4. Rogerio
    quinta-feira, 24 de agosto de 2017 – 16:09 hs

    Infelizmente nós somos um povo muito pacato, esses ratos vão continuar roubando os cofres públicos e não vão pra cadeia, pois irão criar leis para se beneficiarem e acabarem com a lava jato, já estão começando mudando o entendimento da prisão apos a segunda instancia. Isso só vai acabar quando todos nós dermos um basta nessa corrupção, indo pra as ruas e enxotar todos esses políticos e STF do mapa.

  5. Político
    quinta-feira, 24 de agosto de 2017 – 17:05 hs

    Lula e Renan Calheiros. Nunca duas pessoas foram tão iguais. Em absolutamente tudo.

  6. quinta-feira, 24 de agosto de 2017 – 17:29 hs

    Eles são o que são por causa do povo que é o que é, e assim a maioria paga pelas mordomias da minoria no senado,planalto,assembleias ,etc,etc,ect. Continuam votando nestes vermes sangue-sugas da nação.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*