Emenda-dobradinha, conhece? | Fábio Campana

Emenda-dobradinha, conhece?

O petista Vicente Cândido, relator da reforma política, colocou mais uma estranha modalidade no texto, o absurdo que está sendo chamado de ‘reforma-dobradinha’: uma mesma pessoa pode se candidatar ao mesmo tempo para presidente, governador e deputado, por exemplo. Perdendo em um, pode se eleger no outro.
Para dar exemplos práticos, ocupando o partido do próprio deputado: se Lula se candidatar a presidente e não levar, pode ser deputado; se Gleisi concorrer ao Senado e não conseguir o número de votos suficientes, pode ter cadeira na Câmara. Que beleza, hein?
Pro pessoal que pretende foro privilegiado é uma chance maior de emplacar um mandato.


2 comentários

  1. Do Interior...
    quinta-feira, 17 de agosto de 2017 – 15:29 hs

    Por isso o povo de bem e que paga impostos tem que se levantar e ir contra essa cultura retrógrada, fascista, falsa, populista e atrasada que só leva países e populações à pobreza e miséria.

    Esse é o PT

  2. gerson pires
    quinta-feira, 17 de agosto de 2017 – 17:05 hs

    Tem que dar uma surra nesse vagabundo !!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*