'Debate ideológico não pode prevalecer', diz Pier Petruziello | Fábio Campana

‘Debate ideológico não pode prevalecer’, diz Pier Petruziello

Na grande expediente desta segunda-feira, 21, o vereador Pier Petruzziello (PTB) defendeu a aprovação do projeto que permite a parceria do município com organizações sociais para a prestação de serviços nas áreas de saúde e de educação de Curitiba. “Uma cidade que não dorme não pode esperar um debate ideológico prevalecer”, disse.

Segundo Pier, o projeto aprovado hoje em regime de urgência altera a lei que proíbe serviços do gênero na capital paranaense. “Nós estamos aqui tentando melhorar a saúde de Curitiba. Fazer com que a saúde custe mais barato hoje”.

O vereador disse que uma unidade de saúde custa hoje R$ 2,1 milhões. “É um absurdo. São milhões de reais. Nós temos que criar outros mecanismos na administração pública para o cidadão. É isso que prefeito Rafael Greca e a Câmara de Curitiba estão fazendo”, destacou.

O modelo sugerido de convênio com as organizações sociais, diz Pier, se difere à terceirização. “A terceirização é quando você fornece tudo ao ente particular e ao ente privado. Não é o caso”, disse.

“O prefeito Greca (Rafael) tem a habilidade de fazer a fiscalização das organizações sociais. Nós temos a condição de fazer essa fiscalização e de reduzir custos, que é o mais importante nesse momento. Reduzir custo com eficiência”, completou.

Para Pier Petruzziello, o novo modelo aprovado “é um xadrez muito difícil de encontrar, mas nós vamos encontrar”. “Nós estamos alterando uma lei que proíbe esses serviços de saúde e educação aqui em Curitiba. E logicamente aqueles que são contrários são porque fazem o debate ideológico da esquerda radical, principalmente a turma do PT”, disse.

Nesta segunda, o projeto foi aprovado em regime de urgência pelos vereadores. Amanhã, terça-feira, será votado em segundo turno antes de seguir para a canção do prefeito Rafael Greca.


7 comentários

  1. eleitor desmemoriado.
    segunda-feira, 21 de agosto de 2017 – 20:41 hs

    Tal declaração só podia vir da cabeça de um idiota como este, se é assim então pra quê servem os partidos políticos? A falta de debate ideológico é próprio de regimes de partido único, aí o debate ideológico é perfeitamente dispensável. Alguém avise o líder do prefeito, talvez o cara ache que o mundo gira entorno no umbigo do moço.

  2. Carlos
    terça-feira, 22 de agosto de 2017 – 4:12 hs

    Kkkk um projeto não segue para a canção. Depois, foi votada a urgência, um requerimento, em turno único. O projeto entra na pauta, pra primeira votação, na próxima segunda-feira, dia 28.

  3. De olhos bem abertos
    terça-feira, 22 de agosto de 2017 – 8:38 hs

    Um debate ideológico talvez traga às claras que este vereador é sócio de uma empresa prestadora de serviços de saúde, junto com a turma do Beto Richa. Com escritório milionario localizado à frente do Conselho de Medicina.
    Lembrando que essa empresa está ou já foi concluída o processo de investigação em Campo Largo por licitação direcionada pra dar dinheiro para estes sócios.
    O nome da empresa é Hygea Gestão de Saúde e o dono se chama Thiago Gayer Madureira, quem também é doador de campanha do líder Pier.

  4. Rapaz
    terça-feira, 22 de agosto de 2017 – 9:24 hs

    ICI da Saúde?

  5. Flavio
    terça-feira, 22 de agosto de 2017 – 9:39 hs

    Percebemos grande carência de discernimento e compromisso com a verdade e uma farta demonstração de esperteza na atuação de alguns representantes do povo. Esse discurso nada mais é do que a tentativa de privatizar tudo e um pouco mais.
    Em passado recente, estes convênios e parcerias com tais “Organizações sociais para prestação de serviços nas áreas de saúde e educação” designadas por CIAP´s e
    OSCIP´s, foram objeto de inúmeros processos movidos pelo Ministério Público em todo o País. Em Londrina não foi diferente, cito como exemplo (ou um dos exemplos), a recente condenação do Instituto Galatas que atuou na administração do prefeito cassado Barbosa Neto. Contratada para, justamente, prestar serviços ao município (com qualidade, agilidade, seriedade, menores custos, etc e tal). Na intenção de dirimir dúvidas, quero passar algumas informações sobre o assunto, que tanto desperta nossa desconfiança.

    Folha de Londrina: 18/08/2017
    Justiça condena Oscip a pagar R$ 18 mi à Prefeitura de Londrina
    Contratado na gestão Barbosa Neto para atuar no programa Saúde da Família, Instituto Gálatas não teria prestado contas da maior parte dos recursos públicos

    Em decisão dessa quinta-feira (17), o juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública, Marcos José Vieira, condenou o Instituto Gálatas, Oscip (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) contratada em dezembro de 2010 pelo governo do então prefeito Barbosa Neto (2009-2012), e seu presidente….. a restituírem ao município o valor de R$ 12.821.100,80 (corrigido até janeiro de 2015) e aplicou multa civil de R$ 5.128.440,32 (40% do valor do dano). Os fatos começaram a ser investigados em 2011 com a Operação Antissepsia. 
    A sentença foi proferida em ação por ato de improbidade administrativa ajuizada em 2016 pela Prefeitura de Londrina, com base em auditoria feita pela CGM (Controladoria Geral do Município) no termo de parceria………………
    Segundo a CGM, entre as irregularidades estavam a “ausência de documentos fiscais, despesas sem comprovante, despesas não previstas no plano de trabalho, ausência de orçamentos, salários sem comprovante de pagamento, guias com valores divergentes da folha, valores pagos irregularmente”. 
    No processo, o instituto e seu presidente alegaram que os serviços de saúde foram prestados e que os livros contábeis do Gálatas revelam situação diferente……
    O magistrado observou que apesar das alegações, o instituto e seu presidente não conseguiram afastar as conclusões da CGM…..
    Além do ressarcimento e da multa, o juiz impôs aos réus outras penas previstas na Lei de Improbidade Administrativa……
    As fraudes nos termos de parceria do Gálatas, que foi contratado para executar programas como o Saúde da Família, de exames e prevenção de Aids e DST e serviços farmacêuticos, com a prefeitura foram descobertas em 2011 e culminaram com a deflagração da Operação Antissepsia pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado). Outra Oscip contratada na mesma época e também para prestar serviços na área da saúde foi o instituto Atlântico. Ações semelhantes foram ajuizadas e ainda tramitam no Judiciário. Então carissímo e custoso deputado, causa muita desconfiança o fato de “o projeto aprovado hoje em regime de urgência altera a lei que proíbe serviços do gênero na capital paranaense. “Nós estamos aqui tentando melhorar a saúde de Curitiba. Fazer com que a saúde custe mais barato hoje”. É esperar para ver…

  6. Flavio
    terça-feira, 22 de agosto de 2017 – 9:49 hs

    Mais informações para se refletir sobre o assunto:
    realizado por

    Pesquisa personalizada
    Presidente do CIAP é condenado a 17 anos de prisão – Bondenews …
    http://www.bonde.com.br/…/londrina/presidente-do-ciap-e-condenado-a-17-anos- de-prisao-192836.html
    30 ago. 2011 … Escândalo em Londrina … Sua esposa, Vergínia Aparecida Mariani foi condenada a 14 anos, 11 meses e 15 dias de prisão. No documento, o juiz conclui que o CIAP, por ser uma OSCIP (organização da Sociedade Civil de …
    Prefeito de Cambé é condenado a devolver R$ 19,2 milhões ao …
    http://www.bonde.com.br/…/prefeito-de-cambe-e-condenado-a-devolver-r-19-2- milhoes-ao-municipio-382681.html

    26 ago. 2015 … O prefeito de Cambé (Região Metropolitana de Londrina), João … uma organização da sociedade civil de interesse público (Oscip), para …
    Prefeito de Cambé é condenado a devolver R$ 19,2 milhões ao …
    https://www.bonde.com.br/…/prefeito-de-cambe-e-condenado-a-devolver-r- 19-2-milhoes-ao-municipio-382681.html?…

    O prefeito de Cambé (Região Metropolitana de Londrina), João Pavinato … civil de interesse público (Oscip), para execução dos programas Saúde na Família e …
    Marido de Karin Sabec é condenado no escândalo Ciap …
    http://www.bonde.com.br/…/londrina/marido-de-karin-sabec-e-condenado-no- escandalo-ciap-192843.html?…

    O engenheiro agrônomo Antônio José Viana Neto foi condenado a oito anos … Viana Neto é marido da Secretária de Educação de Londrina, Karin da … A oscip pretendia alienar as terras na compra de títulos da dívida pública da Eletrobrás.
    Presidente do CIAP é condenado a 17 anos de prisão – Bondenews …
    http://www.bonde.com.br/…/londrina/presidente-do-ciap-e-condenado-a-17-anos- de-prisao-192836.html?…

    30 ago. 2011 … Escândalo em Londrina … No documento, o juiz conclui que o CIAP, por ser uma OSCIP … Marido da secretária Karin Sabec é condenado no escândalo CIAP · Preso na Antissepsia também está entre os condenados.
    Marido de Karin Sabec é condenado no escândalo Ciap …
    http://www.bonde.com.br/…/londrina/marido-de-karin-sabec-e-condenado-no- escandalo-ciap-192843.html

    Viana Neto é marido da Secretária de Educação de Londrina, Karin da Costa … A oscip pretendia alienar as terras na compra de títulos da dívida pública da …
    Contador do CIAP tem habeas corpus negado pela Justiça …
    http://www.bonde.com.br/…/londrina/contador-do-ciap-tem-habeas-corpus-negado -pela-justica-195014.html

    8 set. 2011 … Condenado a prisão … O Ciap é uma oscip sem fins lucrativos que desviou mais de R$ 300 milhões de recursos federais para a área da saúde e qualificação de … Agência oferece estágio em Londrina para ensino superior.
    Preso na Antissepsia é condenado no Caso Ciap – Bondenews …
    http://www.bonde.com.br/…/londrina/preso-na-antissepsia-e-condenado-no-caso- ciap-192862.html

    A planilha deste contrato com a Prefeitura de Londrina foi modificada … Monastério tenta solucionar uma multa ambiental que a oscip havia perdido prazo para …
    Bonde. O seu Portal de Notícias do Paraná
    http://www.bonde.com.br/

    Notícias de Londrina e região, cobertura em tempo real dos acontecimentos em todo o … Justiça condena Oscip a pagar R$ 18 mi à Prefeitura de Londrina.
    Revelados nomes e valores do escândalo CIAP – Bondenews …
    http://www.bonde.com.br/…/revelados-nomes-e-valores-do-escandalo-ciap-147135 .html
    17 jun. 2010 … … cargos de administração na OSCIP e/ou nas empresas do grupo utilizadas no … Parcerias firmadas com a Prefeitura de Londrina relativas a …

  7. P Q P
    terça-feira, 22 de agosto de 2017 – 13:27 hs

    Sr. De olhos bem abertos, quer dizer que o meliante, quero dizer, o nobre “VEREADÔ” tem empresas na área da saúde que inclusive já foram investigadas???????? Seguinte seu Flavio, o sr matou a xarada. Na verdade mostrou a realidade nua e crua das intenções! kkkkkkkkkkkkkkkkk. Quero ver se explicar agora.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*