Saúde: greve em Curitiba | Fábio Campana

Saúde: greve em Curitiba

Funcionários da Fundação Estatal de Atenção Especializada em Saúde (Feaes) de Curitiba – ligados ao Sindicato dos Trabalhadores da Saúde (Sindesc) – entraram em greve hoje pela manhã.
Eles ocupam postos nos Centros de Atenção Psicossocial (Caps), nas Unidades de Pronto Atendimento (Upas), na Maternidade Bairro Novo e no Hospital do Idoso Zilda Arns. Mas a paralisação afetou “apenas” no Hospital do Idoso Zilda Arns, segundo a prefeitura, que também disse que considera a greve abusiva, que houve acordo coletivo e que os funcionários já receberam aumento.
Na pauta de reivindicações: 10% de aumento real; auxílio alimentação de R$ 630 mensais e incluído no 13º salário; jornada de trabalho de 30 horas semanais a todos os trabalhadores.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*