Polícia Rodoviária Federal informa paralisação de serviços | Fábio Campana

Polícia Rodoviária Federal informa paralisação de serviços

A Polícia Rodoviária Federal informou nesta quarta-feira que vai paralisar parte de suas atividades por falta de orçamento. Num comunicado, avisa que os limites impostos pelas restrições orçamentárias para aquisição de combustível, manutenção e diárias obrigou o órgão a decidir pela suspensão imediata das atividades aéreas de policiamento e resgate e, a partir desta quinta-feira, do serviço de escolta de cargas superdimensionadas e escoltas em rodovias federais. As informações são de Andreza Mattais no Estadão.

A PRF também diz que fará a redução imediata dos deslocamentos terrestres de viaturas em patrulhamento, além do desativamento de unidades operacionais.

“Buscaremos diminuir o prejuízo no atendimento de ocorrências emergenciais, priorizando atendimento de acidentes com vítimas, auxílios que sejam de competência exclusiva da PRF e enfrentamento a ilícitos”, diz a nota.

As medidas ocorrem no momento em que se iniciam as férias escolares e os movimentos nas estradas aumentam. Na semana passada, a Polícia Federal também suspendeu a emissão de passaportes por falta de verbas. Ontem, a Comissão Mista do Congresso aprovou uma suplementação de verba, mas o projeto ainda precisa ser aprovado pelo Congresso para que o documento volte a ser emitido.

A PRF informa que está em tratativas com os ministérios da Justiça e do Planejamento para que se tenha uma “célere recomposição do orçamento e o restabelecimento dos serviços”.


2 comentários

  1. Doutor Prolegômeno
    quarta-feira, 5 de julho de 2017 – 14:46 hs

    Agora a barnabezada vai espernear e ameaçar a paralisação de serviços, sob o pretexto do miserê orçamentário. Primeiro os passaportes, apesar de todo santo ano haver alguma desculpa esfarrapada para a demora na emissão, sempre em vésperas das férias. Agora, os rodoviários. Amanhã, quem será? Os desempregados, grandes vítimas da crise econômica, não podem ameaçar nada. Talvez, uma das primeiras providências devia sr reduzir os funcionários públicos em um terço. Quero ver quem vai dar falta. Maria Candelária, é alta funcionária……

  2. eleitor desmemoriado.
    quarta-feira, 5 de julho de 2017 – 15:34 hs

    Parabéns, é assim qeu se faz quando não temos Governo, quando temo Desgoverno. O presidento está conseguindo nos fazer saudades até mesmo da incompetência da infeliz, e a mulher era ruim demais. Paguei R$257,00 para ter o meu passaporte, esperei 3 meses pelo mesmo e agora a PF diz que eu vou ficar na dependência da boa vontade do Congresso e do presidento. Estamos caminhando a passos largos para virarmos uma nova Venezuela.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*