O grande risco da delação de Palocci | Fábio Campana

O grande risco da delação de Palocci

O grande problema da delação do ex-ministro Antonio Palocci não diz respeito ao PT, a Lula, aos banqueiros, à Rede Globo. O pior risco de todos é que a Procuradoria-Geral da República e os procuradores de Curitiba, segundo Diego Escosteguy, da revista Época,  estão exasperados com a falta de objetividade e, sobretudo, os rompantes do petista. Outro dia, ele mandou dizer que entregaria seis ministros do Supremo. O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ficou tão assustado que despachou dois procuradores imediatamente ao Paraná. Perderam a viagem. Palocci misturou fofocas com fatos conhecidos, na tentativa de convencer os procuradores de que os ex-presidentes Lula e Dilma Rousseff “tinham ministros no bolso”. Não deu um mísero elemento para sustentar tão graves acusações. Esse episódio pode custar ao petista a delação.

Com isso, o grande risco da delação de Palocci, é a não-delação de Palocci. Os procuradores estão perdendo a paciência com a inconstância e indecisão do petista em entregar provas.


4 comentários

  1. Jotinha
    segunda-feira, 17 de julho de 2017 – 12:25 hs

    Não vai entregar o que promete, primeiro porque não tem, ou mesmo porque não quer entregar o que compromete os seus ou a ele memso, simples assim kkkkkkkkkkkk

  2. segunda-feira, 17 de julho de 2017 – 14:37 hs

    Já estão desmerecendo Paloci com esse tipo de matéria por que sabe que os que sobraram para ser investigados agora são os verdadeiros quadrilheiros que comandam esse país que são protegidos pela justiça e pela imprensa podre e vendida.

  3. segunda-feira, 17 de julho de 2017 – 14:38 hs

    Palocci.

  4. Jorge Hardt Filho
    segunda-feira, 17 de julho de 2017 – 17:04 hs

    Tambem acho que Lula e Dilma tinham “Levandowskis e toffolis” no bolso. pois chegaram ao STF sem atenderos preceitos constitucionais por serem fiéis partidários. A delação do Paloci tá valendo tanto quanto ele: Nada,

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*