Geddel: denúncias desde os 25 anos | Fábio Campana

Geddel: denúncias desde os 25 anos

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/EBC//FotosPúblicas

Geddel Vieira Lima tem 58 anos de idade, foi preso ontem em ação decorrente da Operação Cui Bono, que investiga esquema de corrupção na Caixa Econômica Federal.
Hoje, o Estadão publicou matéria revelando que denúncias de irregularidades rondam a vida pública do ex-ministro desde seu primeiro emprego, aos 25 anos, quando foi acusado de desviar milhões do Baneb (Banco do Estado da Bahia) e beneficiar sua família.
Dez anos depois, em 1994, já deputado federal, foi implicado no escândalo dos “anões do Orçamento” depois de seu nome aparecer em um papel encontrado na casa de um diretor da Odebrecht ao lado da mensagem “4%”. Foi inocentado.
O ex-ministro também já foi associado a acusações de enriquecimento ilícito e de direcionamento para aliados de verbas do Ministério da Integração Nacional.

Geddel, que sempre negou todas as acusações, se entrincheirou em seu apartamento em Salvador desde novembro passado, quando entregou a carta de demissão ao presidente Michel Temer após ser acusado de tráfico de influência para aprovar a construção irregular de um edifício na capital baiana. A interlocutores, dizia que estava “refazendo a vida”.

Só reapareceu em Brasília em março, quando boatos davam conta de que ele poderia fazer delação premiada. Na ocasião, jantou com Temer no Palácio do Jaburu. Sempre que era questionado sobre essa hipótese, reagia com palavrões. E sobre a possibilidade de ser preso, algo que já se falava há duas semanas, dizia estar “tranquilo”.


4 comentários

  1. Doutor Prolegômeno
    terça-feira, 4 de julho de 2017 – 16:01 hs

    Quando se trata de triturar reputações, seja de bons, seja de maus, a mídia é gloriosa. Vão buscar coisas da infância: se roubava a merenda dos colegas, ou se passava a mão na bunda das meninas, na saída da missa de domingo, depois do catecismo. É a predestinação nata de beira de bueiro da república bananeira do Brasil.

  2. CAÇADOR DE VERMES
    terça-feira, 4 de julho de 2017 – 16:39 hs

    Não se pode nem se deve esquecer que este malaco fez parte do desgoverno Lulaladrão e Dilma. Não adianta querer deixar isso de lado. Vagabundo e ladrão igual ao Lula, o câncer do Brasil. Faz parte da mesma quadrilha.

  3. LÍNGUA FELINA
    terça-feira, 4 de julho de 2017 – 17:02 hs

    Podemos concluir então que o Geddel tem 58 anos e desde os 25
    anos está na delinquencia. O mais difícil de acreditar é que um ma-
    laco como este é eleito e passa a ocupar um cargo relevante dentro
    do governo federal. Culpa exclusiva dos eleitores imbecis que não
    sabem distinguir uma banana de um bandido. Triste país…

  4. FCarraro
    quarta-feira, 5 de julho de 2017 – 3:51 hs

    Gedel poderia estar aposentado por “corrupção”…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*