Temer não consegue processar Joesley | Fábio Campana

Temer não consegue processar Joesley

Na segunda-feira, os advogados de Michel Temer entraram com uma queixa-crime contra Joesley Batista por conta da entrevista que ele deu à revista Época, o chamando de “chefe de organização mais perigosa do Brasil”.

O documento caiu nas mãos do juiz federal Marcus Vinicius Reis Bastos, que rejeitou. O argumento foi de que Joesley deu a entrevista para corroborar as declarações que já havia feito em sua delação premiada. Assim, não haveria a “vontade específica de macular a imagem de alguém”. E que ele se manteve nos limites de seu direito de liberdade de expressão ao fazer afirmações sobre os motivos de ter fechado o acordo de delação premiada. “Observo que manifestação eventualmente ofensiva feita com o propósito de informar, debater ou criticar, desiderato particularmente amplo em matéria política, não configura injúria”.


4 comentários

  1. Wilson
    quarta-feira, 21 de junho de 2017 – 9:00 hs

    Temer e seu PMDB podre(do PMDB salvam os ótimos Requião e Katia Abreu), junto com o PSDB e DEM estão mortos politicamente, que venha Lula e Requião em 2018 para o bem do Brasil.

  2. quarta-feira, 21 de junho de 2017 – 9:21 hs

    Wilson, um dos burros encantados !

  3. Wilson
    quarta-feira, 21 de junho de 2017 – 13:12 hs

    Henrique Jr. um boi assumido kkkk

  4. Jotinha
    quarta-feira, 21 de junho de 2017 – 17:20 hs

    O Juiz não pode recusar pretenções em demandas judiciais, não pelo menos antes da decorrência processual; por quais argumentos? diversos a começar pela presunção de inocência na antítese.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*